Benefícios da uva roxa e verde para a saúde (com receitas saudáveis)

Contents
  1. Benefícios da uva – Para que serve e propriedades
  2. Benefícios da uva
  3. 1. A uva pode auxiliar na perda de peso
  4. 2. A uva é rica em antioxidantes
  5. 3. A uva pode ajudar no ganho de massa muscular
  6. 4. A uva confere proteção cardiovascular
  7. 5. A uva protege contra o diabetes
  8. 6. A uva pode combater infecções
  9. 7. A uva é fonte de vitamina K e Cobre
  10. 8. A uva aumenta a longevidade
  11. Receitas
  12. Dicas e cuidados
  13. Tabela nutricional
  14. O que achou dos benefícios da uva? Agora que sabe para que serve e conhece suas propriedades, irá inclui-la mais no seu cardápio? Comente abaixo
  15. Tipos de uva: os melhores para vinhos e benefícios
  16. Quantos tipos de uva existem?
  17. Quais são os melhores tipos de uva para vinho?
  18. Quais as uvas brasileiras mais comuns?
  19. Os inúmeros benefícios das uvas
  20. Aproveite os benefícios da casca da uva
  21. Existem contraindicações para consumir uvas?
  22. Dica de receita com uva
  23. Ingredientes
  24. Modo de preparo
  25. Uva: quais os tipos, benefícios e nutrientes da frutinha? | MS
  26. Quais os tipos e a origem da uva?
  27. Uva verde
  28. Uva Itália
  29. Uva Thompson
  30. Uva roxa
  31. Uva Isabel
  32. Uva passa
  33. Quais os benefícios da Uva? 
  34. Fortalece o sistema imunológico
  35. Prevenção de problemas cardíacos
  36. Boa coagulação do sangue
  37. Manutenção da saúde dos ossos
  38. Bom funcionamento do sistema digestório
  39. Quais os nutrientes que a fruta tem?
  40. Vitaminas
  41. Minerais
  42. Malefícios: faz mal comer muita uva?
  43. Chega de Dúvidas: Compreenda os Benefícios da Uva para a Saúde!
  44. Compreenda os Benefícios da Uva para a Saúde!
  45. Compreenda os benefícios da uva
  46. A uva vermelha
  47. A uva verde
  48. Qual é melhor: o vinho ou o suco?
  49. Como escolher?
  50. Como conservar?
  51. Como consumir?
  52. Quanto consumir?
  53. Uva, a fruta que emagrece e reanima – Namu
  54. Suco de uva
  55. Tipos de uva
  56. Benefícios
  57. Conheça os 6 principais benefícios da uva para a sua saúde
  58. Quais são os nutrientes presentes nas uvas?
  59. Quais são os principais benefícios da uva para a nossa saúde?
  60. 1. Prevenção de problemas cardíacos
  61. 2. Melhora da saúde da visão
  62. 3. Controle da pressão arterial
  63. 4. Equilíbrio da glicose no sangue
  64. 5. Aumento da saúde do sistema digestório
  65. 6. Diminuição dos riscos de desenvolvimento de câncer
  66. Quais são as principais formas de consumo da uva?
  67. Qual é a quantidade diária indicada dessa fruta?

Benefícios da uva – Para que serve e propriedades

Benefícios da uva roxa e verde para a saúde (com receitas saudáveis)

Além de práticas e gostosas, a uva é uma fruta carregada de nutrientes, que trazem diversos benefícios para a saúde e a boa forma.

  Continua Depois da Publicidade  

A uva pode ser encontrada em diferentes colorações, como roxa, verde, vermelha, amarela, rosa, e até mesmo preta, cada uma com uma combinação levemente diferente de nutrientes.

Mas, de forma geral, podemos dizer que todas elas são ricas em vitaminas, minerais e antioxidantes, que ajudam a evitar vários problemas de saúde.

Então, a seguir você conhecerá os benefícios da uva, suas propriedades e para que serve essa fruta tão famosa.

Benefícios da uva

A uva é uma excelente fonte de antioxidantes

A uva é uma fruta que, apesar do pequeno tamanho, é rica em nutrientes importantes para a manutenção da saúde.

Veja abaixo a composição de macronutrientes por porção de 100 g de uva in natura.

ComponenteValor por 100 g
Calorias56 kcal
Carboidrato13,7 g
Proteína0,55 g
Gorduras0,2 g
Fibra alimentar0,93 g

Uvas, in natura

Os demais nutrientes estão em uma tabela mais detalhada, ao final do artigo.

Os benefícios da uva para a saúde humana são inúmeros. Listaremos a seguir os mais importantes, que mostrarão porque incluir a uva no seu cardápio pode ser uma ótima ideia.

1. A uva pode auxiliar na perda de peso

Um dos principais benefícios em utilizar a uva em uma dieta para perda de peso é o fato de ela ser uma opção de lanche rápido e saboroso entre as refeições com uma quantidade relativamente baixa de calorias.

Além disso, ela contém fibra, que ajuda a manter a saciedade por mais tempo, e é rica em resveratrol, que é um antioxidante que pode contribuir, mesmo que indiretamente, para a perda de peso.

  Continua Depois da Publicidade  

Não só isso, mas também a uva é um alimento de baixo índice glicêmico, ou seja, seus carboidratos não causam grandes variações na glicemia, o que levaria ao ganho de peso.

2. A uva é rica em antioxidantes

O principal antioxidante presente nas uvas é o resveratrol, um composto que traz diversos benefícios para a saúde. Essas substâncias agem diretamente nos radicais livres, ajudando a combater seus efeitos nocivos para a saúde.

Desta forma, a inclusão de uvas no seu dia a dia pode ajudar a manter o bom funcionamento do corpo, trazendo benefícios como:

  • Pele e olhos mais saudáveis: Esses são os órgãos mais sensíveis à ação dos radicais livres e da radiação solar. Por isso, o consumo de alimentos ricos em antioxidantes como o resveratrol é uma excelente forma de manter esses órgãos saudáveis, evitando problemas como a degeneração macular e o envelhecimento precoce da pele;
  • Sistema imunológico sob controle: Isso se deve à ação dos antioxidantes na regulação do sistema imune, o que auxilia no combate a doenças inflamatórias e autoimunes;
  • Diminui o risco de Alzheimer: Esse efeito ainda está sendo estudado com mais detalhes. Mas até o momento os resultados são animadores, uma vez que o resveratrol tem se mostrado útil na redução a inflamação cerebral e do declínio das funções cognitivas de pacientes com Alzheimer, como foi demonstrado em um artigo publicado no Journal of neuroinflammation.

3. A uva pode ajudar no ganho de massa muscular

O ganho de massa muscular depende de um fornecimento adequado de nutrientes para os músculos. E, como excelente fonte de carboidratos, a uva pode ajudar na recuperação e síntese de fibras musculares.

Outro ponto positivo do consumo de uvas para quem pratica musculação é que o resveratrol ajuda a melhorar a resistência física e reduzir a fadiga muscular.

Assim, comer algumas uvas após o treino, por exemplo, facilita a recuperação metabólica e a síntese proteica, levando a um aumento da massa magra.

4. A uva confere proteção cardiovascular

O resveratrol, presente em grande quantidade na uva, é um composto antioxidante que ajuda a reduzir a inflamação e a formação de placas de gorduras nas artérias.

Além disso, as fibras também auxiliam na redução dos níveis de colesterol LDL, o colesterol ruim. Desta forma, o consumo de uvas contribui para a prevenção de doenças cardiovasculares.

  Continua Depois da Publicidade  

5. A uva protege contra o diabetes

A uva é um alimento de baixo índice glicêmico, ou seja, ainda que contenha uma quantidade razoável de carboidratos, eles não são absorvidos rapidamente, evitando picos de insulina que podem até causar resistência a este importante hormônio.

Além disso, o resveratrol ajuda a melhorar a sensibilidade das células à insulina, contribuindo para um melhor controle da glicemia.

Assim, a uva pode ser uma excelente aliada na prevenção e no tratamento da diabetes, desde que consumida com moderação.

6. A uva pode combater infecções

Um estudo conduzido por pesquisadores indianos e publicado no periódico Indian journal of pharmacology, demonstrou que o extrato de uva possui propriedades antimicrobianas contra bactérias e fungos.

Mas os estudos nessa área ainda estão em fases iniciais, e mais pesquisas, dessa vez com humanos, devem ser realizadas para confirmar se esses efeitos podem ser benéficos para nossa saúde.

7. A uva é fonte de vitamina K e Cobre

Além dos benefícios citados, na sua maioria devidos à presença do resveratrol, a uva beneficia a saúde dos ossos e a coagulação sanguínea pela presença de vitamina K.

Além disso, ela também contribui com o transporte de oxigênio por todo o corpo por fornecer cobre, que participa do processo de fixação de ferro na hemoglobina.

8. A uva aumenta a longevidade

Um estudo de 2018 publicado no periódico BioFactors demonstrou que o consumo de uvas está relacionado a uma menor incidência de problemas de saúde relacionados a idade, como:

  • Aterosclerose;
  • Doenças cardiovasculares;
  • Câncer;
  • Osteoporose;
  • Diabetes tipo 2.

Assim, pode-se dizer que o consumo regular de uvas pode ajudar a manter a saúde na terceira idade, levando a uma maior longevidade.

Receitas

Sanduiche de pasta de amendoim com geleia de uva

Veja abaixo algumas receitas deliciosas para fazer com as uvas:

Dicas e cuidados

  • O resveratrol está presente em todas as partes da uva, porém está em maior concentração na casca. Por isso prefira consumir a uva inteira;
  • O cultivo de uva costuma ser feito com a utilização de defensivos agrícolas, também conhecidos como agrotóxicos. Assim, prefira as versões orgânicas sempre que possível;
  • Prefira consumir a fruta fresca in natura, pois o aquecimento pode levar à perda de grande parte das suas propriedades nutritivas;
  • Os sucos de uva industrializados podem ter um apelo saudável, porém é preciso ter cuidado: eles contêm apenas pequenas quantidades da fruta e muito açúcar adicionado;
  • O resveratrol também pode ser encontrado no vinho, porém é preferível o consumo da fruta fresca. Caso opte pela bebida, é indicado no máximo um cálice ao dia;
  • Existe ainda a possibilidade de consumir o resveratrol através de suplementos alimentares, na forma de cápsulas ou comprimidos.

Veja no vídeo abaixo se a uva engorda ou emagrece.

Tabela nutricional

Porção de 100 g de uvas in natura.

ComponenteValor por 100 g
Energia56 kcal
Carboidrato total13,7 g
Carboidrato disponível12,8 g
Proteína0,55 g
Gorduras0,2 g
Fibra alimentar0,93 g
Colesterol0
Gorduras saturados0,07 g
Gorduras monoinsaturados0,01 g
Gorduras poliinsaturados0,06 g
Gorduras trans0
Cálcio7,58 mg
Ferro0,16 mg
Sódio3,96 mg
Magnésio6,04 mg
Fósforo17,5 mg
Potássio160 mg
Cobre0,08 mg
Selênio0,1 mcg
Vitamina A (RE)5,33 mcg
Vitamina A (RAE)2,67 mcg
Alfa-tocoferol (Vitamina E)0,24 mg
Tiamina0,01 mg
Riboflavina0,01 mg
Vitamina B60,01 mg
Vitamina C2,58 mg
Equivalente de folato1,52 mcg

Fonte: Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TACO)

Gostou das dicas?

O que achou dos benefícios da uva? Agora que sabe para que serve e conhece suas propriedades, irá inclui-la mais no seu cardápio? Comente abaixo

(65 votos, média: 4,55 de 5)
Loading…

Источник: https://www.mundoboaforma.com.br/beneficios-da-uva/

Tipos de uva: os melhores para vinhos e benefícios

Benefícios da uva roxa e verde para a saúde (com receitas saudáveis)

É difícil encontrar quem não goste de uva. Você pode até ter uma preferência por “aquela roxa, bem doce”, a verde mais “gordinha”, ou a sem caroço “que é mais fácil de comer”, mas é fato que ela faz um sucesso danado no mundo inteiro por ser saborosa e fácil de comer – e são tantos os tipos de uva que nem do gosto dá para enjoar.

Com a fruta, você pode fazer vinhos, drinks, sobremesas, geleias e mais o que a sua imaginação permitir. Além de práticas, as receitas ficam uma delícia e podem ser muito saudáveis, principalmente quando levamos em conta os diversos benefícios da uva.

Quantos tipos de uva existem?

Não se preocupe em saber quantos tipos de uva existem, pois, segundo a nutricionista Rosana Farah, estima-se que haja mais de 8 mil variedades da fruta espalhadas mundo a fora, “sendo 60% destinadas à vinicultura” – para produção de vinhos.

Ou seja, mais da metade você com certeza não irá encontrar como opção para comer. “As que consumimos no dia a dia são conhecidas como ‘uvas de mesa’, e são normalmente mais doces”, diz Rosana.

Quais são os melhores tipos de uva para vinho?

Quem entende do assunto costuma dizer que para se ter um bom vinho, primeiro é preciso ter uma boa uva. E existem vários tipos que são usados especificamente para este fim. Conheça abaixo os principais e melhores variedades da uva para produção de vinhos:

  • Carbernet Sauvignon (a mais conhecida)
  • Carménère
  • Chardonney
  • Malbec
  • Merlot
  • Pinot Noir
  • Semillón
  • Tempranillo
  • Syrah
  • Tannat
  • Sangiovese
  • Sauvignon Blanc

Quais as uvas brasileiras mais comuns?

De acordo com a nutricionista e membro do Conselho Regional de Nutricionistas – 3ª Região (CRN-3), Rosana Farah, as variedades de uva mais cultivadas no Brasil são as de Vitis labrusca, uma videira que dá uvas conhecidas como rústicas.

“Elas também são identificadas como ‘uvas de chupar’ por serem mais delicadas, com polpas mais consistentes que se desprendem facilmente da casca”. Para os mais leigos, estas geralmente são aquelas uvas roxas escuras, um pouco menores e bem docinhas.

Apesar de não ser a mais cultivada no país, talvez a uva mais consumida em solo brasileiro seja a Uva Itália. Originada justamente no país do sul da Europa, ela tem casca verde-clara ou levemente amarelada.

Com sementes, polpa crocante e textura consistente, é a de mais fácil comercialização por ser mais resistente, “se machucando” pouco e mantendo suas características por mais tempo.

A Uva Itália, também chamada de Rainha Itália, é muito utilizada para incrementar molhos salgados, saladas e tortas doces. É geralmente a uva que utilizamos com uma fondue de chocolate, ou em receitas de brigadeiro, por exemplo.

Também fazem bastante sucesso por aqui as uvas Thompson e Crimson, as famosas uvas sem caroço. Apesar de serem deliciosas e fáceis de comer, podem não ser as opções mais nutritivas, por motivos que explicaremos abaixo.

Os inúmeros benefícios das uvas

Os benefícios nutricionais das uvas são geralmente parecidos, com algumas variações de acordo com cada tipo. Por exemplo, as uvas de cor escura têm uma concentração de nutrientes diferentes das mais claras, mas podemos dizer que a uva em si, independentemente da variedade, é uma fruta muito rica em antioxidantes, fibras e resveratrol.

O resveratrol é uma substância bastante benéfica para a saúde humana. “Ele torna a uva uma grande aliada no combate e na prevenção de doenças cardiovasculares, além de ajudar na circulação sanguínea e a diminuir o colesterol ruim”, salienta Rosana.

Aproveite os benefícios da casca da uva

Além disso, estudos recentes indicam que a casca da uva ajuda na proteção imunológica e reduz a formação de radicais livres, que são moléculas que podem estar ligadas ao desenvolvimento de câncer no corpo.

A nutricionista lembra que, para aproveitar ao máximo os benefícios da uva, é importante consumi-las inteiras. “As bagas podem ser ingeridas com casca e sementes, pois são essas partes que concentram a maior parte dos nutrientes”. Portanto, as uvas sem sementes não são tão nutritivas, apesar de continuarem sendo saudáveis.

Para Rosana, a recomendação diária de consumo de uvas seria em torno de dez unidades, ou um copo de 200 ml de suco da fruta. Essa quantidade seria suficiente para tirar proveito de todas as suas vantagens nutricionais.

Existem contraindicações para consumir uvas?

Por ser muito doce – são aproximadamente 16 gramas de açúcar para cada 100 gramas de fruta –, o consumo em excesso de uvas não é recomendado para quem sofre ou tem tendência a diabetes.

Para estes indivíduos, ou até para quem está no meio de algum programa de perda de peso, a quantidade de consumo da fruta deve ser mínima ou limitada – mas sempre de acordo com a recomendação do nutricionista responsável.

Dica de receita com uva

A nutricionista Rosana Farah recomendou ao Ativo Saúde uma receita saudável que você pode preparar utilizando as uvas juntamente com outras frutas. Confira abaixo:

Ingredientes

  • 1 lata de creme de leite light
  • 160 g de chocolate meio amargo
  • 1/2 colher de chá de gengibre ralado ou em pó
  • 2 morangos picados
  • 2 kiwis picados
  • Algumas uvas de sua escolha – prefira a Uva Itália ou as sem caroço – picadas e sem as sementes
  • Raspas de limão à gosto

Modo de preparo

Aqueça o chocolate em banho-maria – lembre-se de não encostar a panela de cima na água aquecida e de não deixar a água chegar ao ponto de ebulição – e acrescente o creme de leite light, sempre mexendo para deixar bastante homogêneo. Misture o gengibre e as raspas de limão e deixe esfriar.

Depois, basta colocar as frutas cortadas no recipiente que for servir e despejar a ganache por cima. Está pronto um prato simples, doce, gostoso e saudável. É sempre bom lembrar, porém, que não se deve abusar da quantidade de chocolate amargo.

Valor calórico total desta receita:  aproximadamente 1300 kcal

Fontes

Nutricionista Rosana Farah, da Clínica Rosana Farah e membro do Conselho Regional de Nutricionistas – 3ª Região (CRN-3)

Источник: https://www.ativosaude.com/beneficios-dos-alimentos/tipos-de-uva-vinhos-beneficios/

Uva: quais os tipos, benefícios e nutrientes da frutinha? | MS

Benefícios da uva roxa e verde para a saúde (com receitas saudáveis)

Início » Fitness » Alimentação » Uva: quais os tipos, benefícios e nutrientes da frutinha?

A uva é um fruto de clima temperado, muito utilizado no preparo de vinhos, sucos e geleias. Seu consumo pode ser feito tanto in natura quanto em receitas doces e salgadas. 

Apesar de ser utilizada de forma mais frequente em datas comemorativas, a introdução da frutinha na dieta diária pode trazer benefícios à saúde. Confira mais sobre!

Comer frutas e grãos é mais importante do que reduzir fast-foods

Quais os tipos e a origem da uva?

De origem asiática, acredita-se que a vinda da fruta para o Brasil ocorreu junto aos portugueses, durante a época colonial, sendo então iniciado o cultivo no país.

Na atualidade, há diferentes tipos de uvas disponíveis nos mercados. Confira os principais:

Uva verde

Rica em nutrientes, a uva verde é muito utilizada na produção de vinhos brancos e espumantes. 

Não há apenas uma espécie de uva verde, mas algumas são mais fáceis de serem encontradas no comércio. São elas:

Uva Itália

A uva itália é a uva verde mais conhecida no Brasil. Com interior carnoso, a sua casca possui coloração verde podendo ser, às vezes, levemente amarelada.  É relativamente grande, pois pesa cerca de 450g por cacho da fruta.

Uva Thompson

Também chamada de Sultana, a uva Thompson é uma variedade que não possui sementes. Indicada para o consumo in natura, é também utilizada na produção de uvas passas. 

Uva roxa

Rica em carboidratos, a uva roxa é a mais utilizada para o preparo de sucos e geleias. Possui uma variedade de espécies, as principais são:

A uva Niágara rosada é uma das mais consumidas no Brasil. Como o próprio nome já diz, tem coloração rosada e polpa mole. Seu sabor é caracteristicamente doce e é utilizada na produção de geleias, sucos e vinhos de valores mais acessíveis. 

Uva Isabel

A uva Isabel é uma das espécies mais produzidas no Brasil e é caracterizada por seu aroma e coloração fortes.

Seu nome é uma homenagem a Isabella Gibbs, americana que iniciou o cultivo da espécie no início do século 19 nos Estados Unidos. Usada geralmente na elaboração de sucos e vinhos. 

Uva passa

Muito utilizada em datas comemorativas, a uva passa é um fruto seco, obtido por meio da desidratação da uva fresca. 

Apesar da mudança na forma de apresentação, ela ainda conserva seus principais nutrientes, agora, de forma mais concentrada.  

Seu consumo, em geral, é feito por meio de receitas doces, salgadas e até mesmo puro. É um ingrediente muito utilizado, por exemplo, em pratos como o chamado arroz à grega — receita que combina arroz cozido com passas e legumes.

Quais os benefícios da Uva? 

O consumo da uva, seja a roxa, branca ou passa, traz diversos benefícios à saúde. Suas propriedades e nutrientes atuam em áreas como prevenção de problemas cardíacos, manutenção do sistema digestivo, fortalecimento do sistema imunológico, prevenção da anemia e até mesmo do câncer. Veja os principais:

Fortalece o sistema imunológico

A uva é um fruto rico em vitamina C. Essa vitamina auxilia na manutenção do sistema imunológico, prevenindo, entre outras coisas, gripes e resfriados. 

Prevenção de problemas cardíacos

A frutinha pode ser uma boa aliada no combate à hipertensão e até mesmo auxilia quem quer diminuir os riscos do problema. Ela possui uma substância chamada Resveratrol, que pode ajudar a reduzir a produção do hormônio responsável pelo aumento da pressão arterial (angiotensina). 

Boa coagulação do sangue

A uva auxilia na manutenção do fluxo de sangue, pois possui óxido nítrico. Essa substância dissolve e previne a formação de coágulos, responsáveis pela obstrução da passagem do plasma (parte líquida do sangue) nos vasos sanguíneos. 

Por conta de suas propriedades antioxidantes, a uva auxilia na prevenção de alguns tipos de câncer. Isso ocorre pois os antioxidantes atuam no combate aos radicais livres —  moléculas liberadas pelo metabolismo do corpo que podem causar doenças degenerativas.

Manutenção da saúde dos ossos

A vitamina K presente na uva auxilia na melhor fixação do cálcio nos ossos, propiciando ossos saudáveis. O efeito é um aliado contra fraturas e até osteoporose.

Bom funcionamento do sistema digestório

A uva possui fibras em sua composição. Esse elemento, combinado à água também presente na frutinha, auxilia no fluxo do trânsito intestinal e permite que o sistema trabalhe em equilíbrio. Ou seja, casos de prisão de ventre ou constipação são evitados.

Quais os nutrientes que a fruta tem?

A uva, assim como outras frutas, possui diversos nutrientes que auxiliam na manutenção da saúde humana. Eles são:

Vitaminas

As vitaminas são compostos que atuam em diversas áreas do corpo, proporcionando o bom funcionamento do organismo e qualidade da saúde física e mental. As principais vitaminas presentes na uva são:

  • Vitamina B — prevenção do envelhecimento celular;
  • Vitamina C — manutenção do sistema imunológico e prevenção ao envelhecimento precoce;
  • Vitamina K — coagulação sanguínea e fortificação dos ossos.

Minerais

Os minerais são substâncias inorgânicas responsáveis pelo bom funcionamento do metabolismo do corpo. Na uva, os principais minerais são:

MineralQuantidade (100g)
Cálcio7,6mg
Manganês0,1mg
Magnésio5,8mg
Fósforo22,8mg
Ferro0,2mg
Potássio159mg
Sódio8,0mg

Presente em maior quantidade, o potássio auxilia no controle da pressão arterial, prevenindo a pressão alta. Já o cálcio, juntamente com o fósforo, atua na fortificação dos ossos e na coagulação sanguínea. 

O magnésio, combinado ao sódio, atua na contração muscular e o ferro, na prevenção de doenças como a anemia.

Em conjunto, esses minerais ajudam na manutenção da saúde do organismo.

Malefícios: faz mal comer muita uva?

Não. Em princípio, não há contraindicações para o consumo da frutinha. Entretanto, é importante sempre optar pela moderação. A ingestão de nenhum alimento em excesso é saudável. 

Por ser uma fruta com grande nível de açúcar, é indicado o controle no consumo para que não haja aumento glicêmico e de peso.

A uva é muito relacionada ao preparo de vinhos e sucos. Mas você já conhecia os benefícios da frutinha? O Minuto Saudável traz outras informações sobre frutas e alimentação. Confira!

Источник: https://minutosaudavel.com.br/uva/

Chega de Dúvidas: Compreenda os Benefícios da Uva para a Saúde!

Benefícios da uva roxa e verde para a saúde (com receitas saudáveis)

A uva é o fruto da videira, vinha ou parreira, teve origem na Europa e Oriente Médio. É utilizada frequentemente para produzir suco, geleia, vinho e passas, além de poder também ser consumida natural.

O importante é que ela é uma delícia de qualquer jeito e, talvez muitos não saibam, possui inúmeros benefícios para a nossa saúde, lendo o artigo compreenda Compreenda os Benefícios da Uva para a Saúde!

O humano não demorou muito para que descobrisse a maravilhosa propriedade de fermentação da uva e sua transformação em vinho.

Alguns dos diversos benefícios para a nossa saúde é o fato dela ser rica em carboidratos, vitaminas, como tiamina, riboflavina e vitamina C. Os minerais presentes são Cálcio, Fósforo, Magnésio, Cobre e em maior quantidade o Potássio.

Chega de Dúvidas: Compreenda os Benefícios da Uva para a Saúde!

Compreenda os Benefícios da Uva para a Saúde!

Sabemos que parte dos benefícios atribuídos ao vinho, como a proteção cardiovascular, estão relacionados ao álcool em si. Mas os efeitos dos compostos fenólicos, substâncias antioxidantes, vêm da uva mesmo, que é deliciosa comida fresca ou preparada como suco.

Algumas espécies de videiras:

Há cerca de 10 mil variedades diferentes de uvas, adaptadas a vários tipos de solo e de clima, o que possibilita o seu cultivo em quase todas as regiões do mundo.

As uvas são divididas entre as viníferas, para a produção de vinho, e as de mesa:

  1. Uvas rústicas de mesa são a Niagara Branca, Niagara Rosada, Isabel e Concord;
  2. Uvas finas de mesa temos a Itália, a Rubi, a Benitaka, a Brasil, a Red Globe e a Patrícia;
  3. Uvas sem semente produzidas no Brasil são a Maria e a Paulista.

Compreenda os benefícios da uva

  1. Nas uvas são encontrados compostos fenólicos são substâncias com propriedades antioxidantes, que têm ação benéfica contra o desenvolvimento de certas doenças crônicas, como cardiopatias e o câncer.
  2. Ainda possuem compostos carotenoides que também estão associados à prevenção de certos tipos de câncer, e minimizam o risco de doenças oculares.
  3. A uva tem também capacidade diurética, assim como diversos chás naturais.

    Ela ativa o funcionamento dos rins.

A uva vermelha

  • A uva contêm vinte antioxidantes (especificamente na casca da espécie roxa ou rosada) agem em sinergia para combater os radicais livres que favorecem o surgimento de doenças e o envelhecimento precoce.

A uva verde

  • Mas foi feita uma descoberta interessante sobre o poder da uva verde, ela é uma poderosa arma contra vírus e bactérias. Foi descoberto pela Universidade de Harvard o composto polifenol, indicado para manter a pele jovem e saudável. Ou seja, se você estiver em dúvida entre qual creme de pele usar, escolha em favor de sua pele, prefira um que tenha na composição o polifenol.

Qual é melhor: o vinho ou o suco?

  • Você já deve ter ouvido falar que beber uma taça de vinho diariamente faz bem ao coração. É verdade, já que o vinho contém resveratrol, um antioxidante excelente para a nossa saúde.
  • Mas, na verdade, essa substância está presente na casca da uva, assim, o suco de uva integral (tinto) também apresenta os benefícios do vinho, ambos são ricos em antocianina, resveratrol e polifenol, que agem como antioxidante, auxiliando na vasodilatação.

Como escolher?

  • Na altura de escolher prefira os cachos bem cheios, com bagas lisas e que não se desprendem com facilidade.
  • Os bagos precisam estar intactos. Repare se não há muitas uvas soltando líquido.
  • As uvas verdes devem ter um leve tom amarelado. As vermelhas e roxas devem ter cor uniforme e brilhante.
  • Quanto ao suco de uva “tinto”, prefira os integrais sem adição de açúcar.

Como conservar?

  • Guarde as uvas sem retirar os bagos do cacho, na geladeira. Uvas maduras fermentam com muita facilidade em temperatura ambiente.

Como consumir?

  • Além de servir uvas frescas ou na salada de fruta, em pratos doces ou salgados.
  • A uva passa também pode ser usada como guarnição de carnes, aves e peixes assados.
  • A uva preta origina uma deliciosa geleia.
  • Uvas frescas também são usadas em coberturas e decoração de bolos e tortas.
  • Podem-se preparar sucos e inúmeras bebidas com uva vermelha ou roxa.
  • Ainda se pode consumir moderadamente em forma de vinho.
  • O Guloso e Saudável já publicou diversas receitas com uvas.

Quanto consumir?

  • Para se beneficiar do resveratrol, deve consumir com regularidade cerca de 150 mililitros de vinho tinto por dia.
  • O consumo não deverá ultrapassar 300 mililitros (3 copos de vinho de 100 ml) diário para os homens e de 150 mililitros para as mulheres.
  • O consumo do suco integral deverá ser no mínimo um copo, 300 mililitros por dia.
  • A uva vermelha ou roxa crua, com as cascas devem ser consumidas no mínimo cerca de 300 gramas por dia.

Chega de dúvidas: Compreenda os Benefícios da Uva para a Saúde!

Guloso & Saudável

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Источник: https://www.gulosoesaudavel.com.br/2013/06/20/chega-duvidas-compreenda-beneficios-uva-saude/

Uva, a fruta que emagrece e reanima – Namu

Benefícios da uva roxa e verde para a saúde (com receitas saudáveis)

27/09/19

A videira, árvore da uva (Vitis vinífera), é nativa da Ásia e uma das espécies mais antigas do planeta. Durante o período neolítico, o ser humano deixou de ser nômade para se dedicar à agricultura.

Com isso, ele aprendeu novas técnicas de produção de alimentos e cuidados com os animais de criação.

Essa nova forma de vida permitiu cultivar outros tipos de plantas e trabalhar em áreas mais especificas, além de fabricar novas ferramentas.

Com o passar do tempo, os povos aprimoraram o cultivo e processamento de vários produtos, entre eles, a uva, que se espalhou pelo Oriente Médio, norte da África e Europa.

De lá, chegou na América com o desembarque dos colonizadores portugueses e espanhóis.

No Brasil, o plantio da uva só se consolidou no século 19, com a chegada dos imigrantes italianos, que popularizaram o cultivo e processamento dos produtos feitos com a fruta, especialmente o vinho.

A uva também tem forte presença nas religiões. No judaísmo, por exemplo, o vinho é consumido para a santificação das festas judaicas e do shabat, dia sagrado reservado para o jejum e descanso. Já no cristianismo, a fruta é citada muitas vezes na Bíblia com diversos significados, sempre associados a algo divino.

Um dos maiores símbolos do alimento para os cristãos é o sangue de Jesus Cristo representado pelo vinho, ou suco de uva, na Santa Ceia. Na mitologia grega, Dionísio, filho de Zeus com uma mortal, era considerado o deus do vinho, das festas e do prazer.

Segundo os gregos, Dionísio ensinava os mortais a produção, cultivo e colheita da uva.

Suco de uva

Atualmente, o suco de uva, em sua versão integral, tornou-se um produto muito procurado, principalmente por pessoas que desejam emagrecer.

Essa bebida apresenta praticamente todos os benefícios presentes no vinho, porém, em razão de não conter álcool em sua fórmula, o suco, além de não engordar, é rico em resveratrol, antioxidante bastante poderoso.

Além de retardar o envelhecimento e ajudar a emagrecer, o elemento possui ação anti-inflamatória.

Para que o efeito do suco seja maior, o ideal e tomá-lo entre as refeições ou antes de dormir, pois quando consumido junto com a comida pode gerar gases. Adotar essa prática alimentar aumenta a sensação de saciedade e diminui a quantidade de ácido úrico, o qual produz um certo cansaço.

Tipos de uva

A uva pode ser dividida em dois grupos: finas de mesa, de origem europeia, e para a fabricação de bebidas e outros produtos.

 O primeiro é indicado para o consumo in natura; o segundo grupo, o das uvas viníferas (que podem ser brancas ou tintas), é mais apropriado para a fabricação de vinhos de qualidade.

 Entre as principais variedades comercializadas estão: itália, red globe, benitaka, brasil, patrícia, superior seedless, crimson seedless, thompson seedless, catalunha, syrah, isabel, malvasia bianca, niagara e niagara rosada.

Benefícios

A uva é muito benéfica à saúde, pois é fonte de vitaminas C e B, carboidratos, ferro, cálcio e potássio. A fruta possui propriedades laxativas e diuréticas, além de acelerar o ritmo cardíaco. Tanto a uva quanto as folhas e o suco estimulam as funções e regeneram as células do fígado.

“A uva, principalmente a escura, possui ação antioxidante, ou seja, combate os radicais livres que aceleram o envelhecimento celular.

Sua casca rosada possui uma substância cardioprotetora chamada resveratrol, que ajuda no controle do colesterol, na diminuição da formação de coágulos sanguíneos e na prevenção de doenças cardiovasculares e câncer”, comenta a nutricionista Samantha Freund. Pesquisas revelam que a ingestão de vinho e suco da uva ajuda a afinar o sangue.

A fruta é ótima também para fadiga, anemia e intoxicação alimentar, pois, além de acelerar o metabolismo, elimina o ácido úrico. Contudo, os médicos não recomendam o consumo diário e excessivo de álcool, pois a prática pode levar a distúrbios comportamentais e induzir ao alcoolismo. 

O valor nutricional varia pouco conforme as espécies da uva. “Existe pouca diferença em relação aos carboidratos, proteínas, lipídeos, vitaminas e minerais. A maior variação ocorre em relação à presença do resveratrol”, declara Freund. Segundo a nutricionista, essa substância merece destaque por seu potencial antioxidante, anti-inflamatório, antiviral e cardioprotetor.

Para quem é amante da uva e exagera na hora do consumo, é bom ficar atento, pois a fruta tem grande quantidade de açúcar e, sim, pode engordar. O cuidado deve ser redobrado quando se consome produtos industrializados com uva.

“Há restrições no consumo em razão de seu alto valor calórico, especialmente para o suco de uva integral e para os vinhos, em função de seu teor alcoólico. Ambos são saudáveis quando consumidos com moderação”, afirma Freund.

A uva é uma fruta muito utilizada na culinária brasileira. Além de consumida in natura, ela é utilizada em doces, saladas, sorvetes e desidratada (uva-passa). Todas as formas de ingestão têm propriedades que beneficiam a nossa saúde.

“Caso haja algum tipo de intolerância à fruta, é possível substituir a uva por suco de frutas vermelhas, como morango, melancia, jabuticaba, cereja, amora ou framboesa, pois as propriedades antioxidantes são bem parecidas”, ressalta Freund. Para ter uma alimentação saudável, é necessário tomar alguns cuidados.

“ É recomendada a ingestão de 3 a 5 porções de frutas ao dia. Uma porção equivale a aproximadamente 100 gramas de uva, meio cacho de uva, ou 1 copo de 200 ml de suco”, conclui a nutricionista.

Foto 2: Plant Illustration

Veja também

Azeite de oliva, o óleo do bem

Источник: https://namu.com.br/portal/alimentacao/funcionais/uva-a-fruta-que-emagrece-e-reanima/

Conheça os 6 principais benefícios da uva para a sua saúde

Benefícios da uva roxa e verde para a saúde (com receitas saudáveis)

A produção de uvas no mundo é muito explorada, mas, apesar disso, o consumo dessa fruta ainda é muito pouco difundido, sendo mais comum nas épocas de datas comemorativas.

A parte mais expressiva do setor vitícola, direciona a matéria-prima para a elaboração de vinhos ou sucos, e já sabemos dos inúmeros benefícios destes produtos.

Contudo, a fruta em seu estado natural também pode nos auxiliar para que tenhamos uma vida com maior qualidade e também mais longa.

Apesar de pequenina, essa fruta é muito poderosa e pode ajudar a nossa saúde de diversas maneiras. Quem sabe, ao conhecer suas vantagens para o nosso organismo, você não passe a incluí-la mais ativamente em sua dieta?

Quer saber quais são os benefícios da uva para a sua saúde e descobrir de quais maneiras ela pode interferir em seu organismo? Continue a leitura!

Quais são os nutrientes presentes nas uvas?

As uvas são, sem dúvidas, uma das frutas mais nutritivas de todas. Apesar de seu tamanho relativamente pequeno, elas são extremamente poderosas em termos nutricionais e consumi-las é muito importante para o bom funcionamento do corpo.

Em primeiro lugar, devemos dizer que, assim como outras frutas, as uvas não têm colesterol em sua composição, por isso, podem ser consumidas sem medo por aqueles que têm problemas com esse fator. O sódio também não é algo considerável nesse vegetal, independentemente da sua variedade.

As calorias presentes nas uvas também são poucas: apenas 90 em cerca de 150g. Por isso, é uma ótima opção também para aqueles que estão em processo de redução da massa corporal, desde que consumida com cautela.

Sobre os nutrientes, é possível afirmar que há uma grande variedade deles. No entanto, os mais abundantes serão tratados a seguir, começando pelos antioxidantes. Essas substâncias são responsáveis por ‘’limpar’’ e proteger as nossas células dos chamados radicais livres, compostos potencialmente perigosos que podem danificar essas estruturas.

Os antioxidantes estão mais comumente presentes na casca da fruta, o que é indicado pela coloração delas. Quanto mais escuras, maior é a concentração desses compostos na uva. Os principais exemplos são os polifenois, e o mais famoso deles chama-se resveratrol.

Dica: Vinhos do Rio Grande do Sul: quais uvas se adaptam bem em cada região?

As vitaminas encontradas em abundância nas uvas são:

  • Vitamina E;
  • Vitamina C;
  • Vitamina K;
  • Vitamina A.

Além disso, há uma presença de minerais (como o cálcio, ferro e potássio) e uma significativa quantidade de fibras essenciais para o funcionamento adequado de nosso organismo, especialmente do sistema digestivo.

Quais são os principais benefícios da uva para a nossa saúde?

Agora que você já conhece os principais nutrientes contidos nas uvas, que tal saber alguns de seus benefícios para a nossa saúde? Confira a seguir.

1. Prevenção de problemas cardíacos

Os problemas cardíacos são, infelizmente, muito comuns em nossa sociedade. Os hábitos sedentários associados ao grande estresse do cotidiano fazem com que nossos corações paguem um preço muito caro em questão de saúde.

Por conta de seus nutrientes, como a vitamina K, as uvas são uma ótima opção para garantir a saúde desse órgão e de todo o sistema circulatório, auxiliando na coagulação sanguínea, no fortalecimento das artérias e na redução do colesterol ruim.

2. Melhora da saúde da visão

Você tem problemas de visão? Assim como as doenças cardiovasculares, muitos brasileiros têm problemas nos olhos. Na maioria das vezes, eles podem ser corrigidos com o auxílio de óculos ou lentes de contato, mas, em alguns casos, podem ser potencialmente perigosos.

De acordo com alguns estudos, as uvas têm o poder de reduzir a deterioração da retina, muito comum especialmente em pacientes diabéticos ou com hipertensão. Dessa forma, pode prevenir a cegueira e deixar a visão muito mais saudável.

3. Controle da pressão arterial

Já que mencionamos a hipertensão, não podemos deixar de tratar dela. Esse problema está correlacionado com diversas outras doenças, sendo uma das causas de problemas cardiovasculares, oculares, neurais, entre outros.

Por conta disso, a sua prevenção é fundamental. As uvas são ricas em potássio, mineral que ajuda na neutralização do sódio, um dos principais vilões da pressão alta. Isso faz com que o seu consumo seja um ótimo tratamento coadjuvante na redução desse problema.

Adquira os produtos da Famiglia Valduga em nossa loja online!

4. Equilíbrio da glicose no sangue

A diabetes é um dos problemas mais comuns em todo o mundo. No Brasil, ela afeta milhões de habitantes e é apresentada em diversos níveis, como a tipo 1, a tipo 2 e a diabetes gestacional.

Apesar de adocicadas, as uvas não elevam os níveis de açúcar na corrente sanguínea, sendo liberadas para o consumo por esse grupo. Elas, na verdade, até ajudam no equilíbrio da insulina e da glicose, ajudando na manutenção da saúde dos diabéticos.

5. Aumento da saúde do sistema digestório

Os problemas do sistema digestório podem se manifestar de várias formas. Na mais comum delas, ocorre o ressecamento das fezes e a evacuação se torna difícil, podendo causar lesões e outros problemas mais sérios.

Para evitar esse tipo de problema, dois pontos são fundamentais: a ingestão frequente de fibras e o consumo de água para hidratá-las. A uva é rica em ambos e pode ser um bom tratamento coadjuvante para a constipação, ajudando no equilíbrio da digestão.

6. Diminuição dos riscos de desenvolvimento de câncer

Por fim, um dos principais benefícios da uva é a prevenção de diversos tipos de câncer. Embora não seja uma ajuda 100% certeira, é inegável que seus componentes têm um papel fundamental na manutenção da saúde celular.

Os principais responsáveis por isso são os antioxidantes. Como já foi mencionado, os radicais livres são compostos nocivos para a saúde das células e que podem causar mutações em sua estrutura. Portanto, eliminá-los é fundamental para prevenir problemas como o câncer.

Dica: Vinho e suco de uva integral: entenda as semelhanças e benefícios!

Quais são as principais formas de consumo da uva?

Como podemos perceber, os benefícios da uva são relevantes demais para serem deixados de lado. Por isso, investir em seu consumo é uma ótima maneira de conquistar mais saúde, vitalidade e qualidade de vida de maneira geral. Saiba que existem muitas formas para aproveitarmos todos esses benefícios, as quais serão descritos a seguir.

As uvas são frutas muito versáteis eo seu consumo pode se dar por meio de uma série de receitas ou formas diferentes. A primeira delas é o consumo in natura, seja sozinha ou acompanhada de outras variedades em uma bela salada de frutas. Além disso, é possível fazer sorvetes utilizando-as em seu estado natural.

Outra maneira muito saborosa é incluí-la em receitas, como tortas ou bolos. No entanto, se perde um pouco dos nutrientes durante o processo de cozimento. Por isso, prefira consumi-las em seu estado natural, mas nada impede que algumas receitas possam ser feitas com essa fruta.

Podemos também aproveitar esta iguaria em sucos integrais, excelente para todas as idades (a criançada adora!). As geleias também são opções muito proveitosas, principalmente as orgânicas. Por fim, citamos os vinhos, e acredito que você concorde que esta sempre será a forma de consumo mais interessante. 

Veja os melhores produtos da Famiglia Valduga em nossa loja online!

Qual é a quantidade diária indicada dessa fruta?

Não há uma restrição quanto ao número de uvas que podem ser consumidas em um dia. Mas para que não haja dúvidas, sempre use o bom senso e não exagere, já que o consumo exagerado de qualquer alimento pode desequilibrar certas áreas do organismo.

No entanto, as uvas podem ser ingeridas todos os dias em suas mais diversas formas, sem maiores problemas. De modo geral, recomenda-se a ingestão de cerca de 200 ml de vinho ao dia, ou 300 ml de suco natural.

Agora que você já conhece os benefícios da uva e sabe como e quando consumi-la, o que está esperando? Comece ainda hoje a incluir um pouco mais dessa fruta em sua alimentação e observe de perto os resultados do ganho em saúde!

Tem alguma dica para o consumo das uvas? Conhece algum outro benefício que não foi mencionado em nossa conversa? Conte para a gente nos comentários abaixo!

Источник: https://blog.famigliavalduga.com.br/conheca-os-principais-beneficios-da-uva-para-a-sua-saude/

Sobre a Medicina
Deixe uma resposta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: