Como a postura correta melhora a sua saúde

Confira 8 consequências da má postura para a saúde – PartMed – A maior rede de Clínicas Médicas do Brasil

Como a postura correta melhora a sua saúde

Você se sente confortável ao sentar, caminhar e deitar ou sua coluna dá sinais de que algo está errado? Muitas vezes, a origem do incômodo está na posição inadequada do nosso corpo. Os sintomas logo aparecem: dor lombar, fadiga e até mesmo lesões são algumas das consequências da má postura.

Aliás, a postura incorreta compromete o funcionamento do nosso corpo, razão pela qual é preciso dar a devida atenção ao tema. Nossa produtividade e até o sono podem ser afetados. Em casos mais graves, ela atinge a coluna de tal modo que apenas uma intervenção cirúrgica é capaz de solucionar o problema.

Neste artigo, vou falar sobre a importância da postura adequada, listar as 8 consequências da falta de cuidados com ela e dar dicas de como mantê-la preservada. Boa leitura!

Importância da postura adequada

Muita gente sofre com a má postura. Os incômodos ocasionados pelo mau hábito afetam principalmente as pessoas que passam muito tempo sentadas, bem como crianças e adolescentes que não se preocupam com a posição adequada do corpo. O peso excessivo de mochilas e bolsas também está associado aos problemas posturais.

De acordo com pesquisadores da Universidade de Ciências Médicas de Matanzas, em Cuba, a má postura pode prejudicar a saúde e o funcionamento do corpo, assim como a qualidade de vida. Dores e fadiga, além de desconforto durante a execução das atividades, são sentidos. Tal quadro acaba por comprometer a produtividade.

Sendo assim, a postura adequada é fundamental para prevenir problemas de coluna, os quais pioram conforme o período e a frequência em que nos posicionamos inapropriadamente. Mas não é só isso: manter correta a posição do corpo evita dores nos músculos e nas articulações e favorece o equilíbrio, a flexibilidade, a respiração e até mesmo a digestão.

8 consequências da má postura

Abaixo, listei as principais consequências da má postura. Confira!

1. Dor lombar

A dor lombar tende a surgir quando ficamos muito tempo parados, sentados de forma inapropriada ou em uma posição cuja coluna esteja curvada ou torta em vez de ereta. Todo cuidado é pouco ao carregar peso, pois a prática pode resultar no mesmo problema. Muitas vezes, as nádegas e as pernas também são atingidas.

2. Fadiga

Além das dores, a má postura atinge músculos e articulações. Logo, nossa capacidade de concentração e energia são comprometidas. Com a fadiga, falta motivação para executarmos nossas atividades, o que prejudica a produtividade.

3. Lesões

As lesões acometem principalmente pessoas que ficam por um longo período em uma única posição. Elas tendem a afetar profissionais de determinadas áreas, como técnicos laboratoriais que passam todo o expediente observando lâminas no microscópio. Por isso, eles têm mais chances de desenvolver hérnia de disco na área cervical.

4. Barriga protuberante

A saliência na barriga também está entre as consequências da má postura. Isso acontece porque, ao manter a coluna curvada, os músculos do abdômen avançam. Ou seja, tais estruturas do corpo são alteradas devido à posição inadequada. Nesse caso, a flacidez na região atinge até mesmo as pessoas magras.

5. Dor de cabeça e no pescoço

De modo geral, as dores de cabeça ocorrem por causa da tensão muscular proveniente da postura incorreta. No linguajar médico, chamamos tal problema de cefaleia tensional. Incômodos no pescoço são gerados pela mesma razão.

6. Desconforto na área central e traseira

Dores na área central e traseira da coluna, por sua vez, costumam surgir quando mantemos a curva dorsal acentuada ao sentar ou permanecemos muito tempo parados.

7. Cifose

A cifose é comum em idosos que sofrem de osteoporose e mantêm a postura incorreta. O problema é favorecido ainda pela falta de exercícios, os quais são importantes para fortalecer a musculatura e conservar a coluna ereta.

8. Insônia

Incômodos ocasionados pela má postura podem prejudicar também a qualidade do sono. De fato, fica difícil dormir bem sem que consigamos relaxar. Por isso, encontrar a posição ideal é importante para evitar problemas de coluna e ter um repouso tranquilo.

Dicas para melhorar a postura

Agora que você já sabe quais são as consequências da má postura, veja o que fazer para mantê-la em uma posição confortável e viver bem!

Sentado

Ao sentar-se, observe se sua coluna está ereta, os ombros estão para baixo e os pés apoiados no chão. É importante evitar cruzar as pernas, pois tal prática pode comprometer a circulação e provocar inchaço, contribuindo para o cansaço e a formação de varizes. Ainda, não é aconselhado ficar muito tempo sentado. Dê uma pausa na atividade de duas em duas horas.

Em pé

A postura deve se manter ereta. Para isso, o peito precisa estar ligeiramente para frente e o abdômen contraído. Lembre-se de que é a musculatura abdominal a responsável por auxiliar a estabilizar o corpo. Da mesma forma, é necessário que seu peso esteja distribuído em ambas as pernas, e os braços naturalmente soltos.

Ao pisar

Pise primeiro com o calcanhar e só depois com a ponta dos pés.

Ao caminhar

O ideal é manter o olhar em direção ao horizonte e o pescoço reto, pois, ao baixá-lo, há o risco de sentir dor na cervical. Não se esqueça de usar sapatos confortáveis — os de salto alto devem ser evitados a fim de prevenir problemas de coluna.

Ao correr

Nessa circunstância, a orientação é manter os cotovelos flexionados em ângulo reto para que o movimento dos braços esteja associado ao das pernas. É preciso tomar cuidado ao pisar com o calcanhar para evitar o impacto.

Deitado

A postura mais indicada para dormir é de lado, sendo preciso um travesseiro que mantenha a cabeça alinhada com a coluna.

Porém, a dica para quem só consegue repousar com a barriga para cima é usar um travesseiro mais baixo e outro bem fino abaixo dos joelhos para que as pernas fiquem ligeiramente flexionadas. Nessa posição, há o risco de você roncar.

Outras recomendações para melhorar a postura e evitar problemas decorrentes da posição inadequada são:

  • praticar exercícios físicos regularmente e sob orientação a fim de fortalecer os músculos e prevenir lesões;
  • alongar-se sempre que possível para alcançar a sensação de bem-estar;
  • relaxar o corpo e a mente das tensões do dia a dia de forma a evitar dores musculares.

Compreendeu as consequências da má postura? É de fundamental importância se atentar para a posição correta durante as atividades diárias ou até mesmo na hora de caminhar e dormir. Afinal de contas, o descuido favorece o aparecimento de dores e outros problemas de coluna, alguns dos quais só são corrigidos com cirurgia, a depender da gravidade.

Se você achou este artigo relevante, aproveite a visita ao blog para conferir quais são os sintomas da lombalgia e qual médico procurar!

Источник: https://blog.partmedsaude.com.br/consequencias-da-ma-postura-2/

Boa postura: por que é tão importante?

Como a postura correta melhora a sua saúde

A boa postura é uma questão que vai muito além da estética, estando diretamente relacionada com a nossa saúde.

O alinhamento correto do nosso corpo permite que tenhamos movimentos mais precisos e mais eficientes, além de proporcionar bem-estar, uma vez que a postura correta não sobrecarrega nossos músculos e ossos.

Uma má postura pode ser responsável por desencadear alterações na coluna, como é o caso da escoliose.

Leia também: Como a má postura pode prejudicar os estudantes?

O que é ter uma boa postura?

Podemos definir a boa postura como aquela em que nosso corpo adquire uma posição específica para a realização de uma atividade.

Essa posição é conseguida com o mínimo de esforço muscular, estando todos os ossos, músculos e articulações alinhados. Em uma postura adequada, nosso corpo consegue distribuir as cargas de maneira equilibrada e conservar energia.

Quando temos uma má postura, sobrecarregamos o nosso corpo, desencadeando dores e alterações na coluna, por exemplo.

A boa postura evita problemas, como dores nas costas e desvios na coluna.

Devemos cuidar da nossa postura em todas as atividades que vamos realizar, até mesmo nos momentos de lazer, como ao assistir à televisão. Veja a seguir algumas dicas para melhorar sua postura e proteger sua coluna!

Observe algumas formas de proteger sua coluna.

  • Ao andar, mantenha as costas retas, o abdome contraído e o olhar para frente.
  • Quando tiver que pegar algum objeto no chão, não curve as costas. Para abaixar, dobre os joelhos.
  • Para transportar sacolas pesadas, por exemplo, não as leve em apenas uma das mãos. Distribua o peso.
  • Nunca faça uso de mochilas utilizando apenas uma alça.
  • Ao varrer a casa, utilize uma vassoura com cabo adequado à sua altura. Evite inclinar o corpo para frente.
  • Ao amarrar os sapatos, evite curvar a coluna. Procure se sentar e cruzar as pernas para alcançar os sapatos ou se abaixe flexionando os joelhos.
  • Ao sentar, observe se a coluna está reta, se as costas estão apoiadas no encosto da cadeira e se os pés estão apoiados no chão. Evite cruzar as pernas.

Utilizar as mochilas com apenas uma alça pode ser prejudicial para a coluna.

  • Ao utilizar o computador, mantenha a tela no mesmo nível dos olhos.
  • Para pegar um objeto que se encontra em um lugar alto, suba em uma escada, cadeira ou banco. Evite tentar pegar o objeto elevando os braços e ficando na ponta dos pés.
  • Ao utilizar o celular, deixe o aparelho na altura dos olhos. Evite curvar a cabeça para baixo.
  • Para dormir, uma das formas recomendadas é deitar-se de lado e utilizar um travesseiro que se encaixe perfeitamente no espaço formado pela cabeça e o ombro. Para manter a coluna reta nessa posição, recomenda-se utilizar um travesseiro entre as pernas. Outra posição que ajuda a proteger nossa coluna durante a noite é deitar-se com a barriga para cima e colocar um travesseiro embaixo da cabeça e outro embaixo dos joelhos. Vale destacar que a posição de bruços não é aconselhável por forçar a coluna.
  • Quando for se levantar, é importante virar de lado, apoiando-se nos braços e levando as pernas para fora da cama.

Não pare agora… Tem mais depois da publicidade ;)

Leia também: Como evitar dor nas costas?

Desvios posturais

Uma má postura pode ser responsável por provocar desvios na coluna vertebral,estrutura do corpo formada por uma série de ossos (vértebras) e que funciona como principal eixo de sustentação do corpo humano. Esses desvios são perigosos, pois, com o passar do tempo, podem ser responsáveis por problemas como desgaste das articulações e pinçamentos de nervos que partem da coluna.

  • Hiperlordose: problema em que se observa um aumento anormal da curvatura da parte inferior da coluna. Essa curvatura deixa os glúteos mais destacados, bem como a barriga mais saliente.
  • Hipercifose: ocorre quando temos um aumento anormal da concavidade torácica. Esse aumento de curvatura faz com que os ombros fiquem para frente e a pessoa apresente uma posição de “corcunda”.
  • Escoliose: gera uma curvatura lateral da coluna. Essa curvatura provoca assimetrias no tronco, podendo ser observado um ombro mais elevado que outro.

Desvios na coluna podem ser tratados, e o tratamento depende da gravidade de cada caso e do tipo de desvio postural que se está enfrentando. O colete postural pode ser usado para evitar o avanço do problema.

O RPG (Reeducação Postural Global) também pode ser recomendado em casos de desvio postural, a fim de se evitar a progressão do problema, corrigir a postura e aliviar dores decorrentes de alterações na coluna.

Não podemos deixar de citar também as cirurgias, que são recomendadas em casos mais graves.

Por Vanessa Sardinha dos Santos
Professora de Biologia

Источник: https://brasilescola.uol.com.br/saude/boa-postura.htm

Postura corporal: saiba como melhorar sua qualidade de vida

Como a postura correta melhora a sua saúde

Dores lombares e cervicais recorrentes e que progridem ao longo do dia são sinais de má postura. Veja alguns cuidados simples que você pode fazer no dia a dia para manter a postura corporal saudável

A rotina acelerada, o stress e o sedentarismo põem em risco a saúde de milhares de brasileiros.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), 80% da população global sofre com dores na coluna, devido à postura corporal inadequada.

Para se ter uma ideia, esta é a principal causa de afastamento do trabalho por mais de 15 dias entre os brasileiros só em 2016. Os dados são do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

De acordo com Emiliano Vialle, cirurgião de coluna e médico da Clínica da Coluna Vertebral de Curitiba (PR), as consequências físicas e comportamentais da postura corporal inadequada para o indivíduo a curto, médio e longo prazo não se limitam apenas a problemas de coluna, como desvios posturais e hérnias de disco. “As consequências atingem diversos órgãos, gerando restrições respiratórias pela expansão reduzida do tórax e problemas digestivos pela fraqueza dos músculos abdominais e pélvicos”, revela.

Membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia, da Sociedade Brasileira de Coluna e professor da especialização em cirurgia de coluna do Hospital Universitário Cajuru, em Curitiba, Vialle enfatiza que “os músculos atrofiados e encurtados geram um ciclo vicioso de piora progressiva da postura, seguido de mais atrofia e encurtamento, chegando a um ponto em que a postura ereta e adequada gera dor no indivíduo”.

Hábitos nocivos à postura corporal

Para melhorar este quadro, alguns hábitos precisam ser deixados para trás.

No entanto, esta não é uma atividade fácil, sobretudo hoje em dia em que o tempo em frente a telas de televisão, computador ou celular é cada vez maior.

“O ideal seria, pelo menos, evitar posturas arcadas quando em frente a uma tela de computador, e elevar o celular ao invés de dobrar o pescoço ao utilizá-lo”, aconselha.

Vialle expõe que não é adepto a sugestões de exercícios, pois cada caso é único e precisa da orientação de um profissional de sua confiança para começar um processo de mudança ou melhorias da postura corporal. “Procuro evitar indicar uma modalidade específica.

Além do que, as pessoas estão em situações e têm gostos diferentes. No entanto, gostar, nem que seja um pouco do exercício, já ajuda a atingir a regularidade desejada e seus benefícios.

Mas, lembre-se: o melhor exercício é aquele feito com regularidade e orientação médica”, incentiva.

Confira a seguir 4cuidados para manter a postura corporal saudável ou, ao menos, não agravar o estado atual:

  1. Ao sentar: sempre apoie a região lombar e mantenha os ombros alinhados. Um apoio para os cotovelos facilita a manutenção da postura.
  2. Ao caminhar: caminhadas auxiliam na ativação dos músculos estabilizadores da coluna. A frase “peito para fora, barriga para dentro” resume um pouco da postura correta ao caminhar.
  3. Ao carregar peso: a pior parte de carregar um peso é erguê-lo do chão. Quanto maior for o volume, maior o risco de uma lesão. Se for difícil erguer um peso sem arcar a coluna, utilizando apenas os joelhos como alavanca, este peso não deveria ser carregado por uma só pessoa, alerta o médico.
  4. Ao dormir: as dicas para dormir não funcionam para todos, pois as posições de conforto variam muito. Uma dica para quem dorme de lado é ter um travesseiro alto que permita à cabeça estar alinhada ao tronco. Já quem dorme de barriga para cima deve procurar fazer uma pequena elevação dos joelhos para relaxar a musculatura posterior e evitar sobrecarga da região lombar. Dormir de barriga para baixo está associado a dores nos ombros e região cervical.

Como amenizar os problemas de postura corporal inadequada

Dores lombares e cervicais recorrentes e que progridem no decorrer do dia são sinais de má postura. Então, além de mudar os hábitos e ficar atento aos cuidados acima, deve-se levar em consideração que a postura adequada é consequência de um bom condicionamento físico e de boa ergonomia nas atividades diárias.

“A lista de problemas que podem ser prevenidos é enorme.

Porém, a postura sofre adaptações com o passar dos anos, seja pelo desgaste natural dos discos intervertebrais, pela redução da mobilidade das articulações ou por perda gradual do equilíbrio do corpo.

O que se busca é uma postura compensatória às limitações que a idade traz. Quanto mais próxima de uma postura equilibrada, melhor, pois o consumo de energia para as atividades diárias é menor”, garante Vialle.

O cirurgião também lembra que cada pessoa tem uma característica postural que pode ser ajustada até um limite que deve ser respeitado. Ele explica que a inclinação da pelve, por exemplo, é determinada por fatores genéticos e não pode ser modificada no adulto. E reforça que a coluna lombar deve se adaptar à essa inclinação.

Já a coluna torácica tem pequena capacidade de adaptação, e uma cifose aumentada (dorso curvo) é compensada pela coluna cervical.

“Logo, pode-se entender como  postura equilibrada aquela em que as cargas a que nosso corpo é submetido são transmitidas à pelve e depois, aos membros inferiores, de modo linear e vertical, reduzindo o esforço muscular para manter o corpo ereto”, esclarece.

Por fim, Vialle ressalta que dores nas costas são comuns, e que, na maioria das vezes se resolvem sozinhas. Segundo ele, aplicações de estímulos locais como calor, gelo e massageadores auxiliam no controle dos sintomas, assim como evitar esforços maiores na semana seguinte à crise de dor.

Источник: https://nutry.com.br/postura-corporal-como-melhorar-sua-qualidade-de-vida/

Corpo no eixo: saiba como corrigir a postura e ganhar saúde

Como a postura correta melhora a sua saúde

  • WhatsApp
  • Pinterest
  • Linkedin
  • Copiar Link

(Foto: Getty Images/iStockphoto)

Ter saúde e viver bem por muitos anos não depende só de ir ao médico regularmente e manter os exames em dia. Um indicador importante de saúde e longevidade, embora deixado de lado por muita gente, é a postura.

Pare para pensar: de que adianta ter colesterol de garota, mas precisar de ajuda para tarefas simples como alcançar um copo no armário ou colocar as compras no carro? Viver com qualidade é ter autonomia e capacidade funcional para realizar as atividades do cotidiano. Além disso, postura alinhada confere elegância. 

Quando se fala em postura, o padrão é tentar manter as articulações alinhadas: tornozelos, joelhos, quadris, coluna, ombros e pescoço. Só que o dia a dia, somado aos efeitos naturais do tempo, contribui para tirar o corpo do eixo.

“A vida toda sofremos a ação da gravidade, que puxa o corpo para baixo, faz com que as articulações vão se achatando, os músculos se retraindo, a coluna deformando e a mobilidade sendo prejudicada”, explica o fisioterapeuta Oldack Borges de Barros, presidente da Sociedade Brasileira de RPG.

A perda de massa muscular, principalmente na região do core (abdômen, lombar e quadris), também dificulta a manutenção das costas alinhadas.

+ Como adotar um estilo de vida mais saudável por Márcia De Luca
+ 3 cuidados simples para uma pele incrível depois dos 50
​+ Conheça 9 alimentos que aceleram o envelhecimento e saiba como substituí-los

A saída para manter a postura certa e a autonomia dos movimentos em qualquer idade é se observar sempre e evitar alguns vilões da vida moderna. Entenda como.

Cuidado com o celular

Pode parecer exagero, mas uma das principais causas de dores nas costas e desvios de coluna atualmente tem a ver com o excesso de tempo que as pessoas passam no celular e outros dispositivos móveis.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 37% dos brasileiros sofrem com esse tipo de problema – a média global é 35% –, que ganhou status de epidemia global. O maior erro é ficar muito tempo olhando para baixo, focada na tela do aparelho.

Nessa posição, é como se a cabeça ficasse mais pesada (até quatro vezes mais do que quando alinhada com o pescoço!), sobrecarregando principalmente a porção cervical da coluna. O problema é tão recorrente que foi batizado pelos especialistas de “pescoço de texto” ou “pescoço tecnológico” (ou tech neck, em inglês).

A tensão muscular na região pode, ainda, afetar a circulação e provocar cefaleia tensional, além de dores nos ombros, braços e costas. Em vez de abaixar a cabeça, eleve o aparelho na altura do rosto quando for usá-lo. Lembre-se de alongar o pescoço ao longo do dia e, de preferência, diminuir o tempo debruçada no smart phone.

Talvez você já tenha ouvido falar que ficar sentado é o novo tabagismo, pelos prejuízos à saúde que representa. Passar horas sentada, trabalhando, dirigindo ou vendo TV, virou fator de risco para doenças, principalmente para quem não compensa o tempo inativo com uma rotina de atividade física.

Com o corpo imóvel, a circulação fica comprometida e os órgãos, comprimidos quando você está sentada, recebem menos oxigênio e nutrientes, o que deixa o organismo mais vulnerável a infecções. Intestino e estômago pressionados não funcionam direito.

Entendeu por que, parado, o corpo inteiro padece? No trabalho, em casa ou no avião, levante-se a cada hora para dar alguns passos e alongar. Em viagens compridas de carro, faça paradas regulares também.

Mexa o corpo

 “O sedentarismo é o inimigo número um da longevidade porque está ligado a falta de condicionamento físico, perda de força muscular e flexibilidade, redução de densidade óssea e prejuízos para o equilíbrio”, fala José Eduardo Pompeu, professor do Departamento de Fisioterapia da Faculdade de Medicina da USP. Juntos, esses fatores resultam em desalinhamentos posturais que afetam várias funções do corpo. A hipercifose (o que chamamos de “corcunda”, quando a cabeça fica projetada à frente do tronco) e a escoliose (deformação em que a coluna forma uma espécie de S), por exemplo, limitam a expansão da caixa torácica e a mecânica dos pulmões, prejudicando a respiração. “Pessoas com esses desequilíbrios são mais sujeitas e desenvolver pneumonia e têm risco maior de morte”, fala José Eduardo.

Musculação e aeróbico são exercícios indispensáveis também quando o assunto alinhamento corporal, mas se der para incluir na rotina sessões de modalidades que têm esse foco, o resultado será uma postura elegante e corpo à prova de dores. Conheça quatro indicadas.

• RPG (Reeducação Postural Global): o profissional utiliza as mãos para organizar o corpo dos pés à cabeça, alongar os músculos e ajustar as partes do corpo na posição ideal.

• Rolfing: por meio da manipulação da fáscia (tecido que envolve os ossos, músculos, nervos e órgãos internos), libera a rigidez nessas estruturas ao longo das sessões. O objetivo é melhorar a flexibilidade, a fluência dos movimentos e o bem-estar.

• Quiropraxia: é uma terapia de manipulação articular para prevenir e tratar dores e desvios na coluna e devolver a funcionalidade do corpo. Pode ser aflitivo para algumas pessoas por causa dos estalos pelo corpo durante a sessão. Mas isso é normal e se deve à liberação de gases contidos no líquido que lubrifica as articulações.

• Pilates: com base na ativação do core, fortalece a musculatura estabilizadora da coluna, colocando o corpo em alinhamento e ajudando a prevenir dores nas costas.

Источник: https://vogue.globo.com/semidade/Ageless/noticia/2019/11/corpo-no-eixo-veja-como-corrigir-postura-e-ganhar-saude.html

Como a postura corporal influencia o rendimento no trabalho

Como a postura correta melhora a sua saúde

As pessoas passam boa parte do dia em seu local de trabalho, digitando no computador, analisando dados, participando de reuniões e falando ao telefone – e muitas vezes esquecem de cuidar de sua postura corporal.

A postura errada pode causar prejuízos não só para a sua saúde, mas também para sua produtividade no trabalho. Por isso é importante saber reconhecer seus hábitos posturais em casa e no local de trabalho – e trabalhar para corrigi-los, se necessário.

Para ajudar nessa tarefa, preparamos este artigo, que vai trazer uma série de dicas para melhorar sua postura, garantir sua produtividade e aumentar seu bem-estar. Acompanhe a leitura e saiba mais!

Importância de uma boa postura corporal

Em uma sociedade consciente da saúde, a boa postura é tão importante quanto seus hábitos alimentares e rotina de exercícios físicos.

Manter a postura certa nos ajuda a ficar de pé, andar, sentar e deitar em posições que dificultam o desgaste de músculos e ligamentos durante atividades de movimentação e sustentação de peso. Além disso:

  • Mantém os ossos e articulações alinhados corretamente, para que os nossos músculos sejam empregados ​​corretamente. Isso diminui o desgaste anormal das superfícies articulares que podem resultar em artrite degenerativa e dor nas articulações;
  • Reduz o estresse sobre os ligamentos que prendem as articulações da coluna, minimizando a probabilidade de uma lesão;
  • Permite que os músculos trabalhem com mais eficiência, assegurando que o corpo use menos energia e, portanto, evitando a fadiga muscular;
  • Ajuda a prevenir a tensão muscular, transtornos de uso excessivo e até dores nas costas e nos músculos.

Muita gente não sabe, mas até as funções corporais básicas – como a digestão, a respiração, o movimento muscular e até mesmo a saúde mental – podem ser influenciadas por nossa postura corporal.

Isso explica por que um indivíduo que não mantém a postura adequada em seu ambiente de trabalho pode muitas vezes se sentir exausto, com o raciocínio bloqueado, apresentar dificuldades temporárias de coordenação motora e outros efeitos graves do estresse.

Entenda como a postura corporal afeta a sua produtividade

O efeito mais óbvio da boa postura corporal é que ela transmite boa saúde, confiança e energia. Pessoas que mantém as costas retas e adequadamente alinhado com o resto do corpo conseguem projetar melhor sua voz, além de parecerem mais equilibradas e confiantes.

Quando se trata de produtividade no escritório, a postura correta ainda permite se concentrar melhor em suas tarefas, já que o sangue e o oxigênio circulam por todo o corpo com pouca ou nenhuma interrupção.

A má postura também leva a um esforço excessivo em nossos músculos posturais e gerar consequências mais graves, como torcicolos, dores na região lombar, lesões por esforços repetitivos e muito mais.

Isso pode resultar em dores crônicas, impactos na sua produtividade no dia a dia e até faltas ou afastamentos prolongados do escritório.

Dicas para garantir uma boa postura corporal

  • Evite sentar-se de maneira desleixada: isso aumenta o estresse na sua coluna, colocando pressão extra sobre os ossos, músculos e articulações necessários para manter sua espinha dorsal no lugar.

    Isso também dificulta a digestão ou a ingestão de ar suficiente quando você respira – aumentando os riscos de estresse, depressão e ansiedade;

  • Observe a posição de seu pescoço: monitore sua postura corporal ao digitar no computador ou em seu smartphone.

    Quando você permanece com a cabeça inclinada para frente por longos períodos, estressa sua espinha e pode acabar com dores nos ombros e pescoço.

    Para combater isso, lembre-se de mover apenas os olhos, não a cabeça;

  • Opte por equipamentos ergonômicos em seu local de trabalho: verifique a altura de sua cadeia, o apoio para os braços, se o seu teclado e mouse têm apoio para os pulsos e se o seu monitor está na altura correta;
  • Evite usar saltos por longos períodos: saltos altos e finos podem garantir um look incrível no escritório, mas empurram a base da espinha para a frente, arqueando as costas. Isso pode mudar a maneira como a coluna se alinha e pressiona os nervos, causando dores nas costas. Sapatos muito altos também colocam mais peso nos joelhos;
  • Exercite e tonifique seu abdômen: o excesso de gordura na região não faz mal só para o seu coração, mas também coloca mais stress nas suas costas. É preciso contar com músculos fortes para sustentar sua coluna;
  • Mantenha sua rotina de check-ups em dia: como você pode ver, uma postura corporal ruim afeta as mais diversas partes do seu corpo e, com o tempo, pode trazer problemas mais graves não só para sua saúde física, mas também para sua saúde mental. Por isso visite seu médico regularmente e mantenha seus exames em dia para garantir mais saúde e bem-estar.  

Como podemos notar, a postura corporal interfere em nossa qualidade de vida, afetando até nosso rendimento profissional. Agende hoje mesmo seu check-up e faça uma avaliação de postura corporal: clique e saiba mais

Источник: https://vitacheckup.com.br/2019/09/como-a-postura-corporal-influencia-o-rendimento-no-trabalho/

Sobre a Medicina
Deixe uma resposta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: