Desvio de Septo: causas, sintomas e tratamento

Desvio de septo – Causas, sintomas e tratamento

Desvio de Septo: causas, sintomas e tratamento

A maioria das deformidades do septo não resulta em nenhum sintoma, e você até pode não saber que tem um desvio do septo. No entanto, algumas deformidades do septo podem provocar os seguintes sinais e sintomas:

  • Obstrução de uma ou ambas as narinas. Esta obstrução pode tornar difícil a respiração através da narina ou narinas. Isto pode ser mais perceptível quando você tem um resfriado (infecção do trato respiratório superior) ou alergias que podem estreitar as suas passagens nasais devido ao inchaço.
  • Hemorragias nasais. A superfície do seu septo nasal pode tornar-se seca, aumentando o risco de hemorragias nasais.
  • Dor facial. Embora haja algum debate sobre as possíveis causas nasais da dor facial, um grave desvio de septo que afete o interior da parede nasal (quando presente no mesmo lado que a dor facial unilateral) é por vezes considerado uma possível causa.
  • Respiração ruidosa durante o sono. Isto pode ocorrer em lactentes e crianças jovens com um desvio de septo ou com o inchaço dos tecidos intranasais.
  • A consciência do ciclo nasal. É normal que o nariz possa alternar, sendo obstruído de um lado, e em seguida, alterando e tornando-se obstruído no outro. Isto é chamado de ciclo nasal. O ciclo nasal é um fenómeno normal, mas pode ser uma indicação de que existe uma quantidade anormal de obstrução nasal.
  • Preferência por dormir para um lado em particular. Algumas pessoas podem preferir dormir para um determinado lado, a fim de otimizar a respiração pelo nariz durante a noite. Isto pode ser devido a um desvio de septo que estreita uma passagem nasal.

Causas de desvio de septo

Um desvio de septo ocorre quando o septo nasal (parede fina que separa as passagens nasais direita e esquerda) fica deslocado para um dos lados.Um septo desviado pode ser causado por:

  • Uma condição presente no nascimento. Nalguns casos, um septo desviado ocorre durante o desenvolvimento fetal e é aparente no momento do nascimento.
  • Danos ocorridos no nariz. Um septo desviado também pode ser o resultado de uma lesão que faz com que o septo nasal possa ser movido para fora da posição. Em lactentes, tal ferimento pode ocorrer durante o parto. Em crianças e adultos, uma grande variedade de acidentes pode levar a uma lesão no nariz e desvio de septo (como tropeçar num degrau ou colidir com outra pessoa na calçada). Mais comumente, um trauma no nariz ocorre durante esportes de contato, jogos ativos ou acidentes de automóvel.
  • O processo normal de envelhecimento pode afetar estruturas nasais, agravando um desvio de septo ao longo do tempo. Além disso, alterações na quantidade de inchaço dos tecidos nasais, por causa do desenvolvimento de rinite ou rinossinusite, podem acentuar o estreitamento de uma passagem nasal a partir de um septo desviado, resultando em obstrução nasal.

Diagnóstico de desvio de septo

Durante a sua consulta médica, o médico irá primeiramente formular perguntas sobre quaisquer sintomas que você possa ter.

Para examinar o interior do seu nariz, o médico irá usar uma luz brilhante e, por vezes, um instrumento (espéculo nasal) projetado para abrir as suas narinas.

Por vezes, o médico irá verificar a parte mais de trás do seu nariz com um escopo em forma de tubo longo, com uma luz brilhante na ponta. O médico também pode olhar para os seus tecidos nasais antes e após a aplicação de um spray descongestionante.

Com base nesse exame, ele pode diagnosticar um desvio do septo e determinar a gravidade da sua condição.Se o seu médico não for um otorrinolaringologista (especialista de ouvido, nariz e garganta) e houver necessidade de tratamento, você pode ser encaminhado para um especialista, para posterior consulta e tratamento.

Tratamento para desvio de septo

O tratamento inicial de um desvio do septo pode ser dirigido para controlar os sintomas dos tecidos que revestem o nariz, o que pode contribuir para sintomas de obstrução nasal e drenagem. O seu médico pode prescrever:

  • Descongestionantes. Descongestionantes são medicamentos que reduzem o inchaço dos tecidos nasais, ajudando a manter as vias aéreas abertas em ambos os lados do seu nariz. Os descongestionantes estão disponíveis como pílula ou como um spray nasal. No entanto, use os sprays nasais com cautela. O uso frequente e continuado pode criar dependência e causar sintomas piores (rebound) depois de parar de usá-los. Os descongestionantes têm um efeito estimulante e podem causar-lhe nervosismo, bem como elevar a pressão arterial e frequência cardíaca.
  • Os anti-histamínicos. Os anti-histamínicos são medicamentos que ajudam a prevenir os sintomas de alergia, incluindo obstrução e corrimento nasal. Por vezes, eles também podem ajudar em condições não alérgicas, tais como aquelas que ocorrem com um resfriado. Alguns anti-histamínicos causam sonolência e podem afetar a sua capacidade de realizar tarefas que exigem coordenação física, tais como a condução.
  • Sprays nasais esteróides. A prescrição de sprays nasais de corticosteróides pode reduzir a inflamação na sua passagem nasal e ajudar com a obstrução ou drenagem. Geralmente, leva de uma a três semanas para que os sprays de esteróides possam atingir o seu efeito máximo, por isso é importante seguir as instruções do seu médico ao usá-los.

Os medicamentos apenas tratam as membranas mucosas inchadas e não irão corrigir um desvio de septo.

Reparação cirúrgica (septoplastia)

Se continuar a ter sintomas apesar da terapia médica, você pode considerar uma cirurgia para corrigir o seu desvio de septo (septoplastia).A septoplastia é a forma usual para reparar um desvio de septo. Durante uma septoplastia, o septo nasal é esticado e reposicionado no centro do seu nariz.

Isto pode exigir que o cirurgião possa cortar e remover partes do seu septo para reinseri-los na posição correta.O nível de melhoria que você pode esperar com a cirurgia depende da gravidade do seu desvio. Sintomas devido ao desvio de septo (em particular obstrução nasal), muitas vezes resolvem-se completamente.

No entanto, todas as condições nasais ou sinusite que afetam os tecidos que revestem o nariz (como alergias) não podem ser curadas apenas com a cirurgia.

Источник: https://www.clinicariodejaneiro.net/post/desvio-de-septo-causas-sintomas-e-tratamento

Desvio de septo nasal

Desvio de Septo: causas, sintomas e tratamento

O desvio do septo nasal ocorre quando o septo não está devidamente centrado no nariz.

O sintoma principal é a obstrução e congestão nasal, em consequência do desalinhamento existente que provoca uma diminuição do espaço dentro do nariz para a passagem de ar.

Ou seja, a normal entrada de ar pelo nariz é dificultada pelo facto do septo nasal estar descentrado. Veja fotos superiores.

O septo nasal é uma estrutura localizada no nariz, sendo responsável pela separação entre ambas as fossas nasais. No que diz respeito à sua anatomia, o septo é composto por uma porção óssea (mais posterior ou “mais atrás”) e por uma porção cartilagínea (mais anterior ou “à frente”), sendo ambas recobertas por mucosa.

São três os principais componentes do septo nasal: a lâmina perpendicular do osso etmoide, o osso vómer e a cartilagem septal, estando os três articulados entre si. O septo nasal junto ao soalho da fossa nasal apoia-se na maxila e, por vezes, há crescimentos ósseos que se projetam para a fossa nasal causando obstrução, o esporão septal.

Relativamente à sua localização, em condições normais, o septo nasal deve estar devidamente centrado no nariz.

Quando o septo está desviado da linha média fala-se do desvio do septo nasal, também conhecido como septo nasal sinuoso ou tortuoso.

Como o septo nasal funciona como um “pilar” central da pirâmide nasal, desvios do septo podem ser a principal causa de um “nariz torto” ou desviado.

No entanto, uma grande parte dos desvios do septo não se traduz em nenhuma alteração estética tendo apenas consequências funcionais. Veja imagens superiores.

Outra alteração relacionada com o septo nasal é a perfuração do septo nasal que pode ou não estar associada a desvio do septo.

Em caso de perfuração, as causas podem ser variadas: traumatismo, cirurgia prévia, uso de medicação no nariz ou drogas, entre outras.

Usualmente causam crostas, secura nasal, sangramentos frequentes e obstrução nasal. O tratamento definitivo para a perfuração é a cirurgia.

Os desvios do septo podem afetar ambos os sexos e tanto pode afetar apenas um dos lados (à direita ou à esquerda), ou em alguns casos pode ser bilateral.

Grau do desvio do septo

Existem diferentes graus de desvio do septo de acordo com o afastamento do centro do nariz para a parede lateral. Quanto maior for o desvio, maior será o grau de obstrução dessa fossa nasal.

À partida um desvio mais acentuado causa uma maior obstrução e consequentemente uma sintomatologia mais exacerbada. No entanto, existem narizes com desvios acentuados unilaterais (com desvio para a esquerda ou para a direita) ou bilaterais (por exemplo “à frente” à direita e “atrás” à esquerda) com relativamente poucas queixas para o grau de desvio.

Para confirmar e avaliar se o desvio do septo é muito ou pouco obstrutivo, pode ser feito um exame que mede o fluxo de ar e a resistência da passagem do ar em cada narina em separado, que se chama Rinomanometria.

Sinais e sintomas no desvio de septo

O principal sintoma é a obstrução e congestão nasal. A sensação de dificuldade em respirar pelo nariz, em repouso ou durante a atividade física é a principal consequência do desvio do septo.

Por sua vez, a dificuldade em respirar pelo nariz pode afetar a qualidade do sono, provocar cansaço, facilitar a roncopatia ou ressonar (com ou sem apneia do sono) e provocar secura na boca (mais frequente durante a noite).

Saiba, aqui, tudo sobre roncopatia ou ressonar.

Outras queixas frequentes são dores de cabeça, formação de crostas e epistaxis (sangramentos nasais) recorrentes.

Associada ao desvio do septo frequentemente estão presentes a rinite crónica e/ou a sinusite crónica. De cada lado do septo nasal estão presentes os cornetos inferiores, cuja inflamação/aumento é designada por rinite.

Por sua vez em ambas as paredes laterais do nariz estão presentes as vias de drenagem dos seios perinasais. Um desvio do septo pode dificultar essa drenagem e assim facilitar o aparecimento de sinusite crónica.

Todas estas alterações originam um conjunto de sinais e sintomas diversificados.

Saiba, aqui, o que é sinusite.

Os sinais e sintomas podem variar de acordo com a gravidade do desvio existente.

Causas do desvio de septo

O desvio do septo pode afetar quer adultos quer crianças (desvio de septo infantil).

As duas principais causas para o desvio do septo são as seguintes:

  • Traumáticas (por traumatismos). Pode ocorrer quer na criança quer no adulto;
  • Constitucionais (alterações que ocorrem ao nascimento e se vão desenvolvendo até à idade adulta, possuindo incidência semelhante em ambos os sexos (homens e mulheres).

Como saber se tenho desvio de septo?

O diagnóstico do desvio de septo é feito na consulta com o médico otorrinolaringologista.

Desvio do septo tem cura?

A única forma de tratar definitivamente o desvio do septo nasal é através de cirurgia de correção do septo, a septoplastia.

Podem ser utilizadas outras formas de tratamento médico que permitem aliviar a sintomatologia, como veremos de seguida, no entanto não possibilitam corrigir a deformidade existente.

Saiba, de seguida, como tratar o desvio de septo.

Tratamento do desvio do septo

Podem ser usados alguns medicamentos ou remédios, como lavagens com água salina (“água do mar”), corticoides tópicos nasais, descongestionantes nasais ou anti-histamínicos, que permitem melhorar a permeabilidade nasal.

Estes tratamentos médicos podem “diminuir” os cornetos inferiores, podendo assim melhorar a permeabilidade nasal. No caso de uma sinusite (nomeadamente com polipose nasossinusal) o uso de corticoides sistémicos também vai ser determinante na melhoria da permeabilidade nasal.

Em casa, como tratamento caseiro ou natural pode fazer irrigações nasais para alívio da congestão nasal. Existem na farmácia soluções já preparadas para este efeito.

Não deve ser usada água da torneira diretamente para a lavagem pois esta pode conter químicos irritantes para o nariz e mesmo microorganismos nocivos à nossa saúde. O uso de soro fisiológico ou de água destilada com carbonato de sódio pode ser uma boa alternativa (mais barata) aos produtos que se compram na farmácia.

O doente nunca se deve automedicar e deve sempre consultar o seu médico assistente antes de tomar qualquer medicamento sob pena de poder agravar o seu quadro clínico.

Como vimos, o desvio do septo propriamente dito, é uma estrutura rígida e não é alterável com qualquer tipo de medicação. Apenas cirurgicamente é que pode ser corrigido o desvio existente, como veremos de seguida.

Cirurgia de desvio do septo

A única forma de corrigir definitivamente o desvio do septo nasal é através de cirurgia (ou operação), a chamada septoplastia.

A decisão de efetuar a correção cirúrgica (septoplastia) deve ser tomada em conjunto pelo médico e pelo paciente, levando em consideração principalmente a sintomatologia do doente e o grau de desvio do septo existente, entre outros.

Nem todos os doentes possuem indicação para cirurgia. Quando existe indicação para cirurgia, a septoplastia permite proporcionar aos doentes um aumento da sua qualidade de vida.

Saiba, aqui, tudo sobre a cirurgia de desvio do septo (septoplastia).

Источник: https://www.saudebemestar.pt/pt/clinica/otorrino/desvio-de-septo-nasal/

Sobre a Medicina
Deixe uma resposta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: