Os Testes de Gravidez Caseiro são Confiáveis?

Contents
  1. Os Testes de Gravidez Caseiro são Confiáveis?
  2. Testes de gravidez cientificamente comprovados
  3. Teste de gravidez da água sanitária (lixívia)
  4. Teste de gravidez do cloro
  5. Teste de gravidez da pasta de dente
  6. Teste de gravidez da fervura da urina
  7. Teste de gravidez do vinagre
  8. Conclusão sobre os testes de gravidez caseiros
  9. Testes de gravidez, Caseiro e de Farmácia. São confiáveis? – GreenMe
  10. O TESTE DE GRAVIDEZ MAIS EFICAZ
  11. TESTE DE GRAVIDEZ DE FARMÁCIA
  12. TESTES CASEIROS DE GRAVIDEZ
  13. Água sanitária
  14. Ferver a urina
  15. Pasta de dente
  16. Vinagre
  17. Agulha
  18. Cotonete
  19. Simpatia para saber se está grávida
  20. OS TESTES CASEIROS DE GRAVIDEZ SÃO CONFIÁVEIS?
  21. Testes caseiros de gravidez: são de confiança?
  22. 1. Testes online de gravidez
  23. 2. Teste da água sanitária
  24. 3. Teste da urina fervida
  25. 5. Teste da agulha
  26. 6. Teste do cotonete
  27. Qual o melhor teste de gravidez?
  28. Testes de gravidez caseiros funcionam mesmo?
  29. 1. Teste da água sanitária ❌
  30. 2. Teste do vinagre ❌
  31. 3. Teste de fervura da urina ❌
  32. 5. Teste do cotonete ❌ ⚠️
  33. 6. Teste com pasta de dente ❌
  34. 7. Teste com sal ❌
  35. 9. Teste de farmácia ✅
  36. Por que os testes caseiros de gravidez não são eficazes?
  37. Teste de Gravidez Com Vinagre, Funciona?
  38. Como Fazer os Testes de Gravidez Caseiros
  39. Teste de Gravidez com Vinagre
  40. Teste de Gravidez com Pinho Sol
  41. Teste de Gravidez da Coca Cola
  42. Teste de Gravidez da Pasta de Dente
  43. Teste de Gravidez da Pimenta
  44. Existe algum teste caseiro de gravidez que realmente funcione?
  45. Testes caseiros de gravidez: os 5 melhores testes para você
  46. Testes caseiros de gravidez
  47. 1. Teste de fervura da urina
  48. 2. Teste da agulha
  49. 3. Teste da água sanitária
  50. 4. Teste do cloro
  51. 5. Teste do óleo de pinho
  52. Depoimentos das mulheres sobre os testes caseiros de gravidez
  53. Testes de gravidez realmente eficazes

Os Testes de Gravidez Caseiro são Confiáveis?

Os Testes de Gravidez Caseiro são Confiáveis?

O relato mais antigo que nós conhecemos de um teste de gravidez caseiro vem do antigo Egito, no ano de 1350 a.C.

Um teste descrito num papiro dizia que a mulher que suspeitava estar grávida deveria urinar em cima de sementes de trigo e cevada. Se o trigo florescesse, a mulher estava grávida de uma menina.

Já se fosse a cevada a florescer, a gravidez era de um menino. Se nenhum dos dois crescesse, isso era um sinal de que a mulher não estava grávida.

Na década de 1960, uma época em que não existia a fartura de testes de gravidez cientificamente comprovados que temos hoje, um grupo de cientistas resolveu pôr à prova o teste descrito no antigo papiro.

Por incrível que pareça, o estudo mostrou que o teste acertava a existência da gravidez em cerca de 70% dos casos, um percentual longe de ser brilhante, mas que com certeza mostrava algum êxito, que não poderia ser explicado apenas pelo acaso.

Na época, a grande concentração de estrogênio na urina das grávidas acabou sendo a explicação para esse fato.

Esse relato é interessante, pois demonstra que os povos antigos já reconheciam (ou pelo menos imaginavam) o papel da urina no diagnóstico da gravidez. Também chama a atenção o fato de que mais de 3000 anos depois, ainda muita gente utiliza métodos caseiros, não baseados no método científico, para tentar diagnosticar uma gravidez.

Portanto, se um teste caseiro idealizado por povos tão antigos e com conhecimento científico tão primitivo pode apresentar algum grau de eficácia, qual será a real utilidade dos testes de gravidez caseiros tão propagados pela Internet?

Neste artigo vamos fazer uma crítica aos mais conhecidos testes de gravidez caseiros, incluindo o teste da água sanitária, da fervura, do cloro, do vinagre e da pasta de dente.

Testes de gravidez cientificamente comprovados

Se você é uma pessoa que procura informações apenas sobre testes de gravidez cuja confiabilidade é cientificamente comprovada, então nenhum dos testes caseiro que será descrito neste artigo serve pra você. Nenhum deles, absolutamente nenhum, é baseado em premissas científicas.

Antes de seguirmos com as explicações sobre os testes caseiros, vamos só relembrar quais são os testes de gravidez devidamente estudados e comprovados pela ciência.

O teste de gravidez mais confiável que existe é a dosagem do hormônio hCG no sangue. A taxa de acerto é próxima de 100% quando a mulher já está com pelo menos 1 dia de atraso menstrual. A sua grande desvantagem é o fato de ser um exame laboratorial que precisa de uma amostra de sangue.

Os testes de farmácia são mais simples que os teste de sangue, pois podem ser feitos em casa e precisam apenas de uma amostra de urina.

A capacidade de identificar a presença do hCG é um pouco mais baixa que a dos exames de sangue, porém, ainda é bastante elevada. A taxa de acerto é altíssima se o teste for feito com pelo menos 5 dias de atraso menstrual.

Atualmente, um teste de gravidez de farmácia custa algo em torno de 5 a 20 reais, dependendo da marca.

Teste de gravidez da água sanitária (lixívia)

Como é feito o teste de gravidez da água sanitária:

O teste da água sanitária é simples, basta você misturar em um recipiente a urina da mulher com um pouco de água sanitária. Se a solução borbulhar ou mudar de cor, o teste é positivo e indica que você está grávida.

O teste supostamente se baseia na detecção indireta do hormônio hCG, que reagiria com a água sanitária provocando as alterações descritas acima.

Críticas ao teste de gravidez da água sanitária:

Quando fazemos uma rápida procura pelo Google à procura de informações sobre o teste caseiro da água sanitária, nos deparamos com um grave problema, que também está presente em quase todos os testes caseiros que iremos descrever: a completa falta de padronização e metodologia.

Repare que não há um recipiente adequado, dependendo da fonte, pode ser um copo de plástico, vidro, acrílico, cerâmica, etc. Também não há concordância entre as quantidades de urina e de água sanitária. A concentração mais adequada da água sanitária não é descrita e ninguém diz também a partir de que momento (quantos dias de menstruação atrasada, por exemplo) o teste deve ser feito.

Essa falta de metodologia por si só seria suficiente para tornar o teste pouco confiável. Quem já teve algum contato com trabalho laboratorial sabe que uma pequena alteração na concentração de um reagente pode ser suficiente para alterar completamente um resultado.

Mas há um problema ainda mais grave com esse teste. A urina é rica em ureia e possui quantidades variáveis de amônia. A reação destas substâncias ao contato com o hipoclorito de sódio (água sanitária) é muito conhecida.

As borbulhas são geradas pela produção de cloramina e gás clorino. Além da reação nada ter a ver com o hormônio hCG da gravidez, ambas substâncias são bastante tóxicas se inaladas.

Em alguns casos, a quantidade de gás tóxico produzida por ser relevante, provocando uma grande reação e um odor extremamente desagradável.

A exposição a gases de cloramina pode causar os seguintes sinais e sintomas:

  • Tosse.
  • Náusea.
  • Falta de ar.
  • Irritação na garganta, nariz e olhos.
  • Broncoespasmo.

Em casos mais severos, com exposição repetida, até pneumonite (inflamação dos pulmões) pode ocorrer.

O teste parece dar positivo para algumas pessoas e negativo para outras, estando elas grávidas ou não, exatamente pela ausência de padronização. Quantidades e concentrações diferentes de água sanitária, aliadas a quantidades e concentrações diferentes de urina podem gerar reações mais ou menos intensas. O teste pode ser positivo tanto em homens como em mulheres.

Veredito:

O teste de gravidez da água sanitária não só não funciona, como ainda pode gerar gases e vapores tóxicos.

Teste de gravidez do cloro

Como é feito o teste de gravidez do cloro:

O teste do cloro consiste em misturar dentro de um recipiente a urina da mulher com cloro. Se a solução borbulhar ou mudar de cor, o teste é positivo e indica que você está grávida.

Críticas ao teste de gravidez do cloro:

Na verdade, o teste do cloro é apenas uma variação do teste da água sanitária, uma vez que ambas substâncias contém o elemento químico cloro como principal componente.

Assim como ocorre com a água sanitária, as substâncias naturais da urina reagem com o cloro e produzem gases tóxicos, como a tricloramina e o cloreto de cianogênio. A mudança de cor e a produção de espuma são resultados dessa reação.

Não tem nada a ver com a presença do hormônio hCG na urina.

Só como curiosidade, você sabe por que em algumas piscinas sentimos um forte cheiro de cloro e nossos olhos ardem e ficam vermelhos? Não é porque essas piscinas tem cloro em excesso, mas sim porque elas estão contaminadas com grande quantidade de urina e suor. O odor forte de cloro e os olhos irritados ocorrem pelas substâncias tóxicas produzidas pela mistura de urina e do suor com o cloro da piscina.

Veredito:

O teste de gravidez do cloro não só não funciona, como ainda pode gerar gases e vapores tóxicos.

Teste de gravidez da pasta de dente

Como é feito o teste de gravidez do creme dental:

Em um copo transparente, você deve misturar urina com uma pequena quantidade de pasta de dente branca (não serve colorida). Se após 2 minutos a pasta branca torna-se azulada ou começar a espumar, o teste é positivo.

Críticas ao teste de gravidez da pasta de dente:

O teste da pasta de dente parece ser um pouquinho mais padronizado que o da água sanitária, ainda assim discrepâncias entre a quantidade de creme dental e urina são facilmente encontradas.

O teste não funciona. A mudança de cor não ocorre na maioria dos casos, mesmo quando a mulher está grávida. Já a formação de espuma é comum e ocorre até com a urina de homens.

A espuma é uma reação da acidez da urina com a pasta de dente alcalina. Alguns cremes dentais também possuem lauril éter sulfato, substância que facilita a formação de espuma.

Quanto mais alcalina for a pasta e mais ácida for a urina, maior é a chance de reações.

Veredito:

O teste de gravidez da pasta de dente não funciona. Resultados positivos e negativos ocorrem aleatoriamente, de acordo com a composição da pasta e a acidez da urina.

Teste de gravidez da fervura da urina

Como é feito o teste da fervura da urina:

O teste da fervura consiste em utilizar um recipiente de alumínio para ferver a urina.  Se a urina ferver como leite, criando um sobrenadante, o teste é positivo. Se ferver como água, o teste é negativo.

Críticas ao teste da fervura da urina:

A urina é um líquido rico em diversas substâncias, ao contrário da água, que é basicamente água e quantidades mínimas de alguns sais minerais.

As substâncias presentes na urina têm pontos de ebulição distintos, diferentemente da água pura, que ferve de forma homogênea. É esperado que as características da fervura sejam mesmo diferentes.

A sua urina só irá ferver de forma parecida com a água se ela estiver muito diluída. Para isso, você precisa beber muita água ao longo do dia.

Portanto, o teste da fervura vai dar positivo para a maioria das pessoas, mesmo mulheres não grávidas e homens.

Veredito:

O teste de gravidez da fervura não funciona e dá positivo na maioria dos casos.

Teste de gravidez do vinagre

Como é feito o teste do vinagre:

O teste do vinagre é feito misturando urina e vinagre em um recipiente transparente. Se a solução mudar de cor ou espumar, o teste é positivo. Se não mudar de cor, é negativo.

Críticas ao teste do vinagre:

O vinagre é composto por ácido acético, que é um ácido fraco. A urina também é uma substância levemente ácida. Em geral, a mistura das duas substâncias não provoca reação nenhuma, exceto pela mudança de cor, que se dá mais porque o vinagre tem coloração ou tonalidade diferente da urina. Aliás, esse é um dos problemas do teste, não há uma padronização do tipo de vinagre a ser utilizado.

Em algumas situações clínicas, a urina pode ser tornar alcalina, o que favoreceria a ocorrência de reações com o ácido acético. Mas isso nada tem a ver com a presença ou não do hormônio hCG na urina.

Veredito:

O teste de gravidez do vinagre não funciona.

Conclusão sobre os testes de gravidez caseiros

Nós escolhemos 5 testes como exemplo, mas na Internet existem dezenas deles. Há ainda o teste da agulha, teste da Coca Cola, teste do Pinho Sol, teste da pimenta, etc. Não é preciso falar de um por um, pois todos são falaciosos e não seguem o método científico.

A verdade é que a urina da grávida nos primeiros dias de gravidez é basicamente igual à urina da mulher não grávida. A diferença está na presença do hormônio hCG, que encontra-se em concentrações baixíssimas nos primeiros dias. Mesmo que esses testes tivessem alguma base científica por trás, dificilmente eles seriam capazes de detectar quantidades tão pequenas do hormônio hCG.

O teste de sangue, que é o teste de gravidez mais sensível de todos, utiliza técnicas laboratoriais moderníssimas, desenvolvidas ao longo de décadas. Por isso, ele é capaz de identificar concentrações mínimas de hCG circulando no sangue materno.

Se você suspeita que possa estar grávida, mas não quer ir a um laboratório colher sangue, compre um teste de gravidez de farmácia.

Eles são baratos, confiáveis e fornecem o resultado em poucos minutos. Não adianta ficar sujando panela ou copos com urina, nem gastando os produtos químicos que você tem casa.

Nenhum deles funciona e, como vimos, podem até fazer mal, por liberarem vapores tóxicos.

Источник: https://www.mdsaude.com/gravidez/teste-de-gravidez-caseiro/

Testes de gravidez, Caseiro e de Farmácia. São confiáveis? – GreenMe

Os Testes de Gravidez Caseiro são Confiáveis?

Esse é um resultado que muda a vida das pessoas. Embora o corpo dê sinais de que há uma transformação em caminho, existem formas diferentes de identificar um dos momentos mais importantes na vida de uma mulher: a gravidez.

Desde a antiguidade, há uma infinidade de maneiras de testar se a mulher está grávida; alguns, no entanto, embora seculares, carecem de comprovação científica.

O fato é que tais costumes são passados de geração em geração. Por isso vale a pena saber quais são as formas disponíveis de comprovar – ou não – uma gestação em curso.

Conheça abaixo os testes mais comuns.

O TESTE DE GRAVIDEZ MAIS EFICAZ

A forma mais segura e confiável de verificar o positivo ou negativo de uma gestação é o exame de sangue feito em laboratório para medir a dosagem de um hormônio que é produzido pela placenta: a Gonadotrofina Coriônica Humana – HCG.

Ele consegue detectar quantidades mínimas desse hormônio e a taxa de acerto é de quase 100%.

O exame pode ser feito com 1 dia de atraso menstruação. Após 10 dias de fecundação o teste já identifica a presença desse hormônio.

TESTE DE GRAVIDEZ DE FARMÁCIA

O teste comprado em farmácia também é confiável, tendo em vista que mede a quantidade do hormônio HCG no organismo. Porém, nesse caso, ele faz a detecção pela urina, e não pelo sangue. Por esse motivo, é necessário levar em conta o melhor período para fazer o exame, pois quando feito cedo demais, pode não conseguir identificar o hormônio, por ele estar em dosagem muito baixa ainda.

Apesar de poder ser feito no 1° dia do atraso menstrual, o mais recomendado é esperar cerca de 7 dias de atraso, quando o HCG está em maior quantidade no corpo.

O melhor horário para fazer esse teste é no horário da manhã, coletando a primeira urina do dia, que é a mais concentrada.

Em menos de 5 minutos sai o resultado, lembrando que uma risca no aparelho de medição significa negativo, e duas riscas significa positivo.

Embora seja confiável, mesmo fazendo esse primeiro teste de farmácia é recomendado que a mulher faça o exame de sangue como comprovação da gravidez.

TESTES CASEIROS DE GRAVIDEZ

Como dito acima, testes caseiros de gravidez existem desde tempos antigos. Além disso, cartomantes, simpatias e outras coisas do gênero são muito usadas pelo povo supersticioso.

No entanto, é importante destacar que nenhum destes testes, caseiros ou místicos, tem alguma comprovação científica e carecem de metodologia e padronização.

Abaixo, segue uma lista dos principais métodos, os mais populares e conhecidos, feitos em casa para detectar uma possível gravidez.

Água sanitária

Utiliza-se um recipiente com água sanitária e acrescenta-se a urina. Se a água sanitária mudar de cor, fizer espuma ou borbulhar é sinal de que o resultado é positivo. Porém não é explicitada a quantidade de água sanitária necessária, o que tem impacto no resultado. Além disso, a urina reage ao hipoclorito de sódio (água sanitária), pois contém ureia e amônia.

Ferver a urina

Nesse caso, em um recipiente, coloca-se a urina para ferver. Se levantar fervura, formar espuma, significa que o teste é positivo. No entanto, caso a mulher tenha bebido muita água, a urina irá ferver, independentemente das substâncias contidas nela. Além disso, a urina possui pontos de ebulição diferentes, ao contrário da água, que ferve de modo homogêneo.

Pasta de dente

Coloca-se a urina misturada com um pouco de pasta de dente branca. Se a pasta mudar de cor ou formar espuma, o resultado é positivo. Porém a mudança de cor quase nunca ocorre, mesmo que a mulher esteja grávida. Já a formação da espuma acontece por causa da reação dos dois elementos, e é algo comum.

Vinagre

Em um recipiente, coloca-se um pouco de vinagre e urina. Se o vinagre mudar de cor ou espumar, significa que a mulher está grávida. Mas, é de se esperar que o líquido mude de cor por causa da mistura do vinagre e da água. Além disso, não há padronização do tipo de vinagre que deve ser utilizado. Ademais, as duas substâncias quase não reagem juntas.

Agulha

Coloca-se uma agulha em um recipiente com urina, e deixa-se em repouso por 8 horas. Depois disso, se a agulha estiver preta, é sinal de resultado positivo. No entanto, se a urina estiver concentrada demais, a agulha vai ficar escura mesmo, e isso não significa uma gestação em curso.

Cotonete

Aplica-se um cotonete na vagina, até chegar ao útero. Se ele sair limpo, é sinal de positivo, pois não existe menstruação em curso. Porém a região vaginal é rica em vários tipos de secreções, e isso pode confundir. Além disso, a introdução do cotonete pode machucar o colo do útero.

Simpatia para saber se está grávida

Esta talvez seja a simpatia mais conhecida para saber se está grávida. É conhecida como simpatia da aliança e consiste em pegar uma aliança qualquer e amarrá-la em um fio (tem gente que diz para usar um fio do próprio cabelo).

Segurando pelo fio, a mulher se deita relaxadamente e direciona o pêndulo sobre a sua barriga, na altura do umbigo. Se a aliança se mover (dizem que ela gira circularmente) é sinal que há uma vida dentro ao ventre. Caso contrário, se a aliança ficar imóvel, significa que você não esta grávida.

Nem precisaria comentar que a confiabilidade desta simpatia é zero!

OS TESTES CASEIROS DE GRAVIDEZ SÃO CONFIÁVEIS?

Basta saber que quase todos estes testes caseiros tentam identificar a gravidez até mesmo na urina dos homens, para se atentar ao fato de que eles não são nada confiáveis.

Por tudo o que fora exposto, o bom mesmo é confiar 100% somente no exame de sangue feito em laboratório.

Algo tão importante deve ser tratado com seriedade e cuidado sempre.

Источник: https://www.greenme.com.br/viver/saude-e-bem-estar/66191-testes-de-gravidez-caseiro-e-de-farmacia-sao-confiaveis/

Testes caseiros de gravidez: são de confiança?

Os Testes de Gravidez Caseiro são Confiáveis?

Os testes caseiros de gravidez são muito utilizados por serem uma forma mais rápida de saber se a mulher pode estar grávida ou não, já que muitos deles prometem funcionar desde o primeiro momento da concepção, não sendo necessário esperar pelo dia do atraso menstrual, como acontece com os testes de farmácia.

No entanto, esse tipo de testes não possui qualquer comprovação científica e, por isso, não devem ser considerados uma forma fiável de confirmar ou descartar uma possível gravidez.

De todos os testes de gravidez que se pode fazer em casa, o mais fidedigno é o teste de gravidez que se compra na farmácia, pois identifica a presença do hormônio beta HCG na urina da mulher, um tipo de hormônio que apenas é produzido durante a gravidez. No entanto, caso se precise de um resultado mais rápido, também se pode optar por fazer um exame de sangue de HCG, que pode ser feito 8 a 11 dias após a relação desprotegida.

A seguir apresentamos os testes caseiros de gravidez mais utilizados, qual a teoria por trás de cada um e porque não funcionam:

1. Testes online de gravidez

Os testes online são cada vez mais comuns, mas devem apenas ser considerados uma forma de saber qual o risco de se estar grávida, não devendo servir de teste definitivo, nem substituir o teste de farmácia ou de laboratório.

Isso porque os testes online são feitos com base em sintomas genéricos de gravidez, assim como atividades de risco, não sendo capazes de avaliar cada mulher individualmente, nem medir fatores mais específicos, como a presença de hormônios da gestação na urina ou sangue.

Este é um exemplo de teste online que elaboramos com o objetivo de avaliar as chances de a mulher estar grávida, indicando quando existe maior necessidade de fazer um teste de gravidez, como o de farmácia ou o de sangue:

2. Teste da água sanitária

De acordo com as teorias populares, este teste funciona porque a água sanitária é capaz de reagir com o hormônio beta HCG, assim como o que acontece no teste de farmácia, levando à formação de espuma. Assim, se não existir formação de espuma, o teste é considerado negativo.

No entanto, não existe qualquer estudo que confirme este efeito e, segundo alguns relatos, a reação da urina com a água sanitária pode levar à formação de espuma mesmo em homens.

3. Teste da urina fervida

O teste da urina fervida parece ter por base a teoria de que ferver proteínas, como acontece no caso do leite, causa a formação de espuma. Assim, e uma vez que o hormônio beta HCG é um tipo de proteína, caso a mulher esteja grávida, o aumento dessa proteína na urina poderia causar a formação de espuma, ocasionando um resultado positivo.

Porém, e seguindo a mesma teoria, existem outras condições que também podem aumentar a presença de proteínas na urina, como é o caso da infecção urinária ou das doenças renais. Nesses casos, o teste também poderia ter um resultado positivo, mesmo que a mulher não estivesse grávida.

Além disso, caso existam vestígios de produtos de limpeza na panela onde seria fervido o xixi, também poderia haver formação de espuma pelas reações químicas com o produto, obtendo-se um falso positivo.

Este teste foi criado em torno do conceito de que o pH da urina da grávida é geralmente mais básico do que o de outra mulher não grávida. Dessa forma, a ideia é que quando o vinagre, que é mais ácido, entra em contato com a urina, provoca uma reação que leva à alteração de cor, indicando um resultado positivo para gravidez. 

No entanto, o vinagre nem sempre altera de cor quando em contato com uma substância mais básica e, além disso, é comum que, embora mais básico, o pH da urina da mulher continue sendo ácido, o que impediria a reação.

5. Teste da agulha

Neste teste caseiro, é necessário colocar uma agulha dentro de uma amostra de urina durante algumas horas e depois observar se existiu alguma alteração da coloração da agulha. Caso a agulha tenha mudado de cor, significa que a mulher está grávida.

A teoria por trás deste teste é a da oxidação dos metais, que acontece quando um metal, como é o caso da agulha, fica em contato prolongado com outra substância, como a água ou, neste caso, a urina, acabando por enferrujar. No entanto, esse é um processo que geralmente demora vários dias, não acontecendo em poucas horas.

Além disso, a velocidade de oxidação pode variar bastante de acordo com outros fatores que não apenas o contato com a urina, como a temperatura do ambiente, desgaste da agulha ou a exposição à luz solar, por exemplo, que não são contabilizadas neste teste caseiro de gravidez.

6. Teste do cotonete

O teste do cotonete é um método pouco seguro no qual a mulher deve esfregar a ponta de um cotonete no canal vaginal, perto do colo do útero, para identificar se existe presença de sangue.

Este teste deve ser feito alguns dias antes da data prevista para a descida da menstruação e serve para identificar mais precocemente se a menstruação está descendo.

Assim, se o cotonete ficar sujo, pode indicar que a mulher não está grávida porque a menstruação está chegando.

Embora possa parecer um método fiável, é um método pouco recomendado. Primeiro, porque a fricção do cotonete nas paredes da vaginal pode causar lesões que acabam sangrando e estragando o resultado. E depois, porque a aplicação de um cotonete dentro do canal vagina, e perto do colo do útero, pode arrastar bactérias que acabam causando uma infecção.

Qual o melhor teste de gravidez?

De todos os testes de gravidez que se pode fazer em casa, o mais fidedigno é o teste de gravidez que se compra na farmácia, pois ele mede a presença do hormônio beta HCG na urina da mulher, hormônio que só é produzido em casos de gravidez.

Mas apesar de ser um teste de confiança, o teste da farmácia pode não detectar a gravidez quando é realizado cedo demais ou quando é feito de forma errada.

O momento ideal para fazer o teste de gravidez da farmácia é quando o atraso da menstruação é de 7 dias ou mais. No entanto, ele já pode dar um resultado positivo a partir do 1º dia do atraso menstrual.

Confira como fazer este tipo de teste e obter um resultado correto.

Mulheres que desejem saber se estão grávidas antes do atraso menstrual devem fazer o exame de sangue que identifica a quantidade do hormônio HCG e que pode ser feito 8 a 11 dias após a relação. Entenda melhor como funciona este exame de sangue e quando fazer.

Источник: https://www.tuasaude.com/teste-de-gravidez-caseiro/

Testes de gravidez caseiros funcionam mesmo?

Os Testes de Gravidez Caseiro são Confiáveis?

O teste de farmácia é o único teste caseiro confiável.

Outros métodos utilizados como o teste com água sanitária, pasta de dente, sal, vinagre e fervura da urina, entre outros, são testes sem base científica e com medidas subjetivas, por isso não são considerados confiáveis.

Os testes de gravidez pesquisam a presença do hormônio beta HCG, presente apenas durante uma gravidez. O hormônio pode ser identificado na urina ou no sangue.

1. Teste da água sanitária ❌

O teste consiste em colocar em um recipiente urina e água sanitária. Se borbulhar ou formar espuma …

Não funciona! Problema específico do teste: a urina é composta por ureia e quantidades variáveis de amônia. A reação destas substâncias ao contato com o hiplocloridrito de sódio (água sanitária), poderá provocar a produção de gás clorídrico.

É a presença deste gás que forma as bolhas que se observa no teste. Esta reação não tem nenhuma relação com a presença do HCG na urina. Inclusive, as borbulhas já foram detectadas em mulheres grávidas, não grávidas e até mesmo em homens.

Portanto, é um teste que não detecta gravidez.

2. Teste do vinagre ❌

Teste consiste em misturar, em um recipiente, urina e vinagre. Se esta mistura mudar de cor…

Não funciona! Problema específico do teste: urina e vinagre são soluções ácidas, portanto não ocorrerá na mistura nenhuma reação. Isto não é conclusivo como teste de gravidez.

3. Teste de fervura da urina ❌

Teste consiste em colocar a urina para ferver em uma panela de alumínio. Se ao ferver, a urina apresentar aspecto…

Não funciona! Problema específico do teste: A concentração da urina interfere no resultado deste teste. Se a urina estiver concentrada as substâncias presentes atingirão, durante a fervura, diferentes temperaturas. É isto que faz com que se pareça com nata. Se por outro lado, a urina estiver diluída, ou seja, tiver maior concentração de água, ferverá parecido com água.

Teste que consiste em colocar uma agulha nova em um copo plástico e depois adicionar urina. Aguarde 8 horas. Após este período…

Não funciona! Problema específico do teste: A concentração da urina influencia no resultado do teste. Se estiver mais concentrada, a agulha muda de cor mais rapidamente. Bastam algumas horas apenas para que isto aconteça.

5. Teste do cotonete ❌ ⚠️

Teste que consiste na introdução de um cotonete limpo no canal vaginal até que ele encoste no colo do útero. O objetivo e verificar se há na secreção colhida…

Não funciona e é perigoso! Problema específico do teste: ao tocar o colo do útero, o cotonete pode causar ferimentos ou infecção local, extremamente perigoso e pode causar até infertilidade na mulher.

Além disso, pode ter no cotonete não somente a secreção do colo uterino, como também secreção do canal vaginal.

6. Teste com pasta de dente ❌

Teste que consiste em reservar um pouco de urina em um copo plástico e adicionar à urina um pouco de creme dental branco. Se a mistura apresentar…

Não funciona! Problema específico do teste: por não saber as substâncias presentes da pasta de dente e por sofrer alterações em função da concentração da urina, não é um teste confiável.

7. Teste com sal ❌

Teste que consiste em coletar um pouco de urina e adicionar pitadas de sal. Se apresentar um aspecto de…

Não funciona! Problema específico do teste: o sal em contato com a urina pode causar precipitação de proteínas, que na gravidez estão em maior número, mas também varia em função da concentração da urina, por isso não é um teste confiável.

Teste consiste em colocar uma amostra de urina em um copo americano de coca-cola. Se ocorrer a formação…

Não funciona! Problema específico do teste: urina e coca-cola são dois líquidos ácidos e, junto com o gás da coca-cola, o efeito de borbulhas é potencializado.

9. Teste de farmácia ✅

Entre os testes de gravidez que podem ser feitos em casa, o teste de farmácia é o único capaz de detectar a presença do beta HCG, hormônio específico da gravidez.

Apesar de ser bastante fidedigno, recomenda-se utilizar um teste de farmácia para a detecção da gravidez após um atraso de 8 a 15 dias da menstruação. Isto possibilita que uma maior concentração de hormônio na urina e torna mais eficaz o resultado do exame.

Resultado Negativo: verifica-se a presença de apenas um tracinho.
Resultados Positivos: observa-se a presença de dois tracinhos; mesmo se um deles for em cor mais clara.

Quando feito antes do atraso menstrual, o deste poderá apresentar um resultado falso-negativo, pois a baixa concentração de beta HCG na urina ainda não é suficiente para reagir com as substâncias presentes no exame.

Os testes de farmácia não são todos iguais. Alguns deles são mais sensíveis e, por isto, capazes de identificar a gestação no primeiro dia de atraso menstrual. Cada fabricante orienta os procedimentos para o uso do teste. Portanto, antes de fazer leia as instruções e dê preferência à primeira urina da manhã, uma vez que esta concentra uma quantidade mais elevada de beta HCG.

Veja mais: teste de farmácia de gravidez é confiável?

Por que os testes caseiros de gravidez não são eficazes?

Com a exceção do teste de farmácia, nenhum dos testes caseiros de gravidez funcionam e nem tampouco são eficazes por alguns motivos:

  • Nenhum dos testes é capaz de detectar a presença do beta HCG na urina;
  • Nestes testes caseiros os recipientes usados são inadequados, pois não passam por nenhum tipo de esterilização. As mulheres comumente utilizam copos de vidro, de plástico, cerâmica ou acrílico, materiais que alteram a composição do conteúdo.
  • Qualquer pequena alteração na concentração da urina ou de um reagente, podem alterar completamente o resultado de um teste.
  • Nos testes caseiros não há concordância entre as quantidades de urina e, por exemplo, a quantidade de água sanitária. Para afirmar que estes testes, de fato, funcionam, as pessoas precisam saber a dosagem correta para a água sanitária ou para outras substância e para a urina no frasco. Além disso os regentes deveriam ser capazes de identificar a presença de beta HCG.
  • No início da gravidez, as características da urina das mulheres grávidas são praticamente as mesmas da urina de uma mulher não grávida. A diferença está na presença e concentração do hormônio HCG, que é bastante baixa nos primeiros dias. Mesmo se estes testes tivessem alguma base científica, dificilmente eles seriam capazes de detectar concentrações tão baixas de hormônio.

Para detecção da gravidez, as únicas alternativas seguras e confiáveis são o exame de urina efetuado por testes de farmácia e o exame de sangue. Ambos são capazes de detectar a presença do hormônio beta HCG. Entres estes dois testes, o exame de sangue é ainda mais eficaz.

Após a detecção da gravidez, procure um(a) ginecologista para iniciar o pré-natal.

Leia mais:

Referências bibliográficas

Источник: https://medicoresponde.com.br/testes-de-gravidez-caseiros-funcionam-mesmo/

Teste de Gravidez Com Vinagre, Funciona?

Os Testes de Gravidez Caseiro são Confiáveis?

Queridas tentantes, no desvendando mitos de hoje e na mesma linha dos testes caseiros de gravidez da água sanitária e ferver urina, o teste de gravidez com vinagre, teste com Pinho Sol e Coca cola tem inundado o mundo das tentantes com dúvidas. Mas será que esse teste de gravidez com vinagre, com desinfetante ou refrigerante dão certo mesmo? Não será um mito?

Em outro post falamos sobre o teste de gravidez caseiro que várias mulheres fazem quando suspeitam estarem grávidas. São testes que usam a urina da mulher em conjunto com alguma matéria química como o cloro por exemplo.

IMPORTANTE: Os testes caseiros de gravidez não tem validade alguma para comprovação de gravidez. Para confirmar a gestação é necessário a realização de um exame de sangue beta HCG.

O teste de gravidez caseiro tratava de juntar uma parte de urina com uma parte igual de cloro e se modificar a cor ou espumar como cerveja seria positivo. Nesse mesmo esquema, o teste de gravidez com vinagre chegou para agregar (ou não) superstições para quem tenta engravidar. Vejamos então como são feitos esses testes:

Como Fazer os Testes de Gravidez Caseiros

Atendendo a pedidos das leitoras vamos ensinar como fazer os testes de gravidez caseiros mais conhecidos. Nenhum deles é considerado como “o teste de gravidez caseiro infalível”, mas seguindo as superstições pode garantir uma boa brincadeira.

Teste de Gravidez com Vinagre

  • 1 copo de plástico transparente (ou de festa)
  • 1 palito de madeira (de sorvete)
  • Urina
  • 2 colheres de sobremesa de vinagre

Para fazer o teste será necessário um copo de plástico (descartável), um palito de madeira ou colher descartável, duas colheres de sobremesa de vinagre e sua urina coletada na hora..

A urina deve ser colocada no copo e logo após o vinagre, com o palito ou colher deve ser misturado para obter o resultado. Se a urina espumar e mudar de coloração o resultado aponta como positivo.

Teste de Gravidez com Pinho Sol

Com a mesma finalidade e os mesmo princípio que o teste de gravidez do vinagre, o teste de pinho sol pode reagir caso a mulher esteja grávida e faz a urina mudar de cor.

Caso não aconteça alteração então o teste é considerado negativo.

Teste de Gravidez da Coca Cola

Em um copo junte as duas partes, uma de xixi e a outra de coca cola sem gelo e com gás. Se a coca cola borbulhar como água fervente ou espumar como cerveja o teste seria positivo, caso não aconteça uma dessas duas reações o teste então seria negativo.

Teste de Gravidez da Pasta de Dente

Em uma quantidade considerável de urina em um potinho desses com tampa para fechar bem, acrescente uma pequena quantidade de pasta de dente branca. Não serve pasta de dente colorida pois, pode alterar o resultado do teste.

Se o xixi mudar de cor e ficar azul ou azul esverdeado então o teste é positivo. Se o xixi ficar branco leitoso ou cheio de espuma apenas, então o teste de gravidez da pasta de dente é negativo para gravidez.

Teste de Gravidez da Pimenta

Conhecida como dedo de moça a pimenta vermelha deve ser fresca cortada em quatro para retirar a semente. Em seguida mergulhada na urina por cinco minutos, se a pimenta abrir por completo é sinal de que o teste é positivo, se ficar fechada por completo é negativo mas se abrir só um pouco é sinal de que tem pouco hormônio e deve ser feito novamente em alguns dias.

O que toda tentante deve saber sobre esses testes caseiros, tanto do teste de gravidez com vinagre ou os outros é que eles não tem eficácia comprovada cientificamente, mas sim são lendas urbanas que podem coincidentemente dar certo com uma ou outra mulher. Mas para aliviar a ansiedade e expectativa da espera dos dias pós ovulação vale como brincadeira.

O teste de gravidez deve ser feito com um teste de farmácia ou de sangue

Os melhores testes a serem feitos nessa época são os de farmácia e o exame de sangue Beta HCG que devem ser feitos depois do atraso menstrual.

A eficácia dos testes de farmácia muitas vezes podem ser superiores aos testes de HCG pela sua baixa sensibilidade. Não custa nada fazer um teste desses afinal, estão cada vez mais baratos, cerca de R$5 a 15 reais.

Boa sorte na brincadeirinha e força na peruca!

Existe algum teste caseiro de gravidez que realmente funcione?

Nenhum teste caseiro, “brincadeira” ou simpatia para saber se está grávida, pode ser considerado confiável como teste de gravidez. A única e melhor forma de confirmar uma gravidez é através dos testes de gravidez de farmácia e ainda melhor o de sangue.

Veja também: Teste de Gravidez Com Água Sanitária Funciona?

Foto: Michael Summers

Источник: https://www.famivita.pt/teste-de-gravidez-com-vinagre-e-outros-funcionam/

Testes caseiros de gravidez: os 5 melhores testes para você

Os Testes de Gravidez Caseiro são Confiáveis?

Foto: iStock

Por Tais Romanelli
Atualizado em 23.11.20

Existem mulheres que aguardam ansiosamente a confirmação de que realmente estão esperando um bebê, especialmente quando já estão tentando engravidar há algum tempo.

É fato que a dúvida sobre estar ou não grávida deixa qualquer mulher pra lá de ansiosa.

Basta um dia de atraso na menstruação ou qualquer sintoma diferente para que mil ideias venham à cabeça! Nessa hora, é possível optar por testes caseiros de gravidez para acabar com a dúvida.

Testes caseiros de gravidez

Foto: iStock

Na internet é possível encontrar algumas receitas que prometem confirmar ou não a gravidez. Claro, não há nenhuma comprovação científica e nem garantia de eficácia, mas algumas pessoas realmente acreditam que elas podem ajudar. Confira abaixo quais são esses testes.

1. Teste de fervura da urina

A mulher deve ferver a urina em um recipiente de alumínio e depois observar: se a urina ferver semelhante ao leite – ela “sobe” e forma tipo uma “nata” –, o resultado é POSITIVO. Se a fervura for semelhante à da água – não “subir” e apenas ficar borbulhando –, o resultado é NEGATIVO.

2. Teste da agulha

A mulher deve urinar em um recipiente e colocar uma agulha dentro dele. Depois, é necessário fechar o recipiente e esperar por oito horas. Uma dica para controlar a ansiedade é fazer o teste antes de dormir e observar o resultado no dia seguinte. Se a agulha mudar de cor, o resultado é POSITIVO.

3. Teste da água sanitária

A mulher deve urinar em um recipiente e adicionar água sanitária. Se a urina mudar de cor ou efervescer, o resultado é POSITIVO. Caso contrário, o resultado é NEGATIVO.

4. Teste do cloro

A mulher deve colocar a urina em um copo descartável e adicionar cloro. Se ela ficar escura, o resultado é POSITIVO. Se a mistura manter a mesma cor, possivelmente, o resultado é NEGATIVO.

5. Teste do óleo de pinho

A mulher deve misturar a urina com o óleo essencial de pinho. Caso a mistura mude de cor, o resultado é POSITIVO.

Vale destacar que nenhum desses testes citados possui comprovação científica. Muitas mulheres confessam, inclusive, que desconfiam dos resultados que as receitas caseiras podem oferecer, porém, em momentos de dúvida e ansiedade, algumas delas apostam nessas dicas como uma forma de diminuir suas expectativas.

Alessandra Bedin, ginecologista do Hospital Israelita Albert Einstein, destaca que, na verdade, essas receitas caseiras podem ser consideradas mais como “crenças populares” do que como testes confiáveis. “Elas servem (muito bem) para diminuir a ansiedade, mas não podem ser consideradas confiáveis. Falsos positivos e falsos negativos são muito frequentes”, reforça.

Depoimentos das mulheres sobre os testes caseiros de gravidez

Foto: iStock

É sempre bom saber dos relatos de quem já passou por este tipo de experiência, mas você deve sempre se lembrar que não existe regra nessas situações. Confira o depoimento de três mulheres que se submeteram aos testes caseiros de gravidez.

  • Valéria F. Diehl, 28 anos. Ela conta que fez um teste de gravidez caseiro após oito dias de atraso menstrual. “Ele apontou resultado positivo. Fiz mais três testes de farmácia e todos deram negativo; assim como o exame de sangue. Logo depois, minha menstruação veio normal e tive a confirmação de que realmente não estava grávida. Ou seja, comigo o teste caseiro não deu certo”, diz.
  • Jennifer Cristina Lopes, 23 anos. A estudante relata que fez o teste da agulha. “Fiz xixi antes de dormir em um potinho transparente com tampa e coloquei uma agulha dentro. No dia seguinte meu xixi estava escuro, o que representaria resultado positivo. Depois fiz o teste da fervura, que também deu resultado positivo. Após fazer o exame de sangue, comprovei que estava grávida. Mas não sei se foi coincidência ou se os testes caseiros são mesmo eficazes”, conta.
  • Katarina Davi, 30 anos. Katarina conta que também já apostou em testes caseiros. “O primeiro que fiz deu resultado positivo. Já o segundo, deu negativo! Continuei na dúvida… Mas, depois de mais alguns dias, fui no meu ginecologista e tive a comprovação de que realmente estava grávida”, relata.

Testes de gravidez realmente eficazes

Foto: iStock

Como os testes de gravidez caseiros não oferecem nenhuma comprovação quanto à sua eficácia, muitas mulheres nem consideram a possibilidade de fazê-los. Elas preferem apostar imediatamente nos chamados testes de farmácia. Mas será que eles são realmente confiáveis?

A ginecologista Alessandra Bedin destaca que eles são confiáveis, sim, especialmente se há atraso menstrual. “Prefere-se a primeira urina da manhã, por ser mais concentrada.

Mas alguns testes já são capazes de identificar o hormônio da gravidez mesmo na urina ao longo do dia. Se a gravidez ainda estiver muito inicial, a sensibilidade do teste é menor que o de sangue, então, pode vir negativo e, na verdade, a mulher estar grávida.

Por outro lado, se ele vem positivo, não há muita dúvida, realmente é gravidez”, diz.

Já o teste sanguíneo, explica a ginecologista, é capaz de detectar a gravidez até 12 dias depois da concepção, ou seja, até 2 dias antes do atraso menstrual. “Os de urina são mais confiáveis a partir do dia em que a menstruação atrasou”, acrescenta.

Com todas essas informações, a dica é: se você tiver um resultado positivo, seja obtido com o teste de farmácia (que tem 99% de eficácia) ou até mesmo com o teste de gravidez caseiro (que não tem eficácia comprovada), procure seu ginecologista que, provavelmente, irá pedir um exame de sangue feito no laboratório. Confirmando a gravidez, ele prescreverá todos os exames, acompanhará regularmente sua saúde e a do bebê e passará todas as informações necessárias para este período.

Источник: https://www.dicasdemulher.com.br/testes-caseiros-de-gravidez/

Sobre a Medicina
Deixe uma resposta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: