Tipos e Benefícios do Vinagre

Contents
  1. 6 tipos de vinagre e seus benefícios para a saúde
  2. O sabor do emagrecimento?
  3. Obra do acaso
  4. Tipos de vinagre
  5. Como fazer um vinagrete saudável
  6. Benefícios do Vinagre – Para que serve e propriedades
  7. Tipos de vinagre
  8. Benefícios do Vinagre
  9. Ajuda a perder peso
  10. Ajuda a controlar o nível de açúcar no sangue
  11. Possui propriedades antioxidantes
  12. Coração saudável
  13. Possui bactérias benéficas para o corpo
  14. Dicas e cuidados
  15. Você já tinha conhecimentos desses possíveis benefícios do vinagre para a saúde e boa forma? Já o utilizou com algum destes propósitos? Comente abaixo
  16. 9 benefícios do vinagre de maçã (e como fazer em casa)
  17. 1. Ajuda a emagrecer
  18. 2. Trata o refluxo gastroesofágico
  19. 3. Ajuda a controlar a diabetes
  20. 4. Melhora a digestão
  21. 5. Protege contra doenças cardiovasculares
  22. 6. Protege o fígado
  23. 7. Reduz o desenvolvimento de fungos e bactérias
  24. 8. Retarda o envelhecimento
  25. 9. Combate a acne
  26. Como utilizar o vinagre de maçã
  27. Como fazer o vinagre de maçã
  28. Possíveis efeitos colaterais
  29. Quem não deve usar
  30. Vinagre: Os diferentes tipos e seus benefícios – Cuidaí
  31. Um produto, muitos usos
  32. Os diferentes tipos de vinagre 
  33. Álcool
  34. Maçã
  35. Balsâmico 
  36. Arroz
  37. Vinho
  38. Vinagre de maçã emagrece?
  39. Revisado por
  40. 12 benefícios do vinagre de maçã
  41. 1. Refresca o hálito
  42. 2. Trata refluxo gástrico
  43. 3. Alivia incômodo gastro-intestinal
  44. 4. Previne indigestão
  45. 5. Acaba com soluços
  46. 6. Cuida do cabelo
  47. 7. Alivia dor de garganta
  48. 8. Combate a coceira
  49. 9. Minimiza problemas na pele
  50. 10. Diminui os níveis de glicose
  51. 11. Abaixa o colesterol e a pressão alta
  52. 12. Emagrece
  53. Veja também:
  54. 30 benefícios do vinagre para facilitar o seu dia a dia em casa – Seleções
  55. Confira 30 benefícios do vinagre para facilitar o seu dia a dia em casa:

6 tipos de vinagre e seus benefícios para a saúde

Tipos e Benefícios do Vinagre

Esqueça a salada por um momento. Em sua longa trajetória, o vinagre já teve até status de remédio. Remédio prescrito no tratamento de diversas doenças por ninguém menos que o doutor Hipócrates (460-370 a.C.), o pai da Medicina.

Relatos dão conta de que Cleópatra (69-30 a.C.), a mítica rainha do Egito, incluía o preparo em seus rituais de beleza, enquanto os soldados romanos o consumiam como uma espécie de tônico para garantir mais vigor nas batalhas. Sim, são milhares de anos de fama terapêutica – sem contar a popularidade na cozinha.

E, ao que parece, o papel do tempero na saúde permanece atual. Uma busca no Pubmed, a biblioteca virtual de pesquisas médicas do governo americano, revela mais de 18 mil estudos com o condimento só na última década.

Há indícios de que ele colabore com a digestão, o equilíbrio do colesterol e até a perda ou manutenção do peso. Entre as evidências mais recentes está a do seu apoio no controle do açúcar no sangue. Isto é, junto a um estilo de vida saudável, o vinagre agrega pontos à prevenção do diabetes tipo 2.

De acordo com Carol Johnston, professora de nutrição da Universidade Estadual do Arizona, nos Estados Unidos, o efeito sobre a glicemia vem do principal componente do vinagre. “O ácido acético interfere na digestão do amido no intestino”, explica a pesquisadora, que tem vários experimentos com o produto no currículo.

Ora, é da quebra do amido que surgem as moléculas de glicose. Com o ácido acético em cena, menos açúcar cai na circulação, o que poupa o pâncreas de produzir mais e mais insulina – situação que pode desgastá-lo e levar ao diabetes.

Carol ressalta, porém, que o condimento não faz milagre. É preciso continuar comendo com moderação as fontes de carboidrato refinado, como pães e massas, por exemplo.

“A inclusão do vinagre deve acontecer dentro de uma alimentação balanceada e junto de outros bons hábitos, caso da prática de exercícios e do sono adequado”, reforça a nutricionista Maristela Strufaldi, da Sociedade Brasileira de Diabetes.

Como um tempero que se preza, o vinagre participa do prato (e da saúde) na figura de ator coadjuvante.

Segundo a nutricionista Carol Johnston, a atuação positiva sobre os níveis de glicose acontece com a ingestão de duas colheres de sopa de vinagre (de vinho tinto, de maçã, de framboesa ou de álcool) diluídas em um copo de água antes das refeições.

Estranhou a receita? Carol tranquiliza: os benefícios também são alcançados por meio do uso cotidiano na salada, em mistura com o azeite, ou nos molhos vinagretes – nesse caso, o ideal é utilizar uma parte do óleo de oliva para duas de vinagre, como você confere no quadro à direita.

Aqui no Brasil, beber vinagre até pode causar certa repulsa, mas, em países como Japão e Alemanha, é comum encontrá-lo como aperitivo em bares e restaurantes. Falamos de um costume antigo e que remonta à já mencionada propriedade digestiva do produto.

“Ele tende a aumentar a salivação e estimular a produção de suco gástrico”, esclarece a nutricionista Andréa Esquivel, do Centro de Diagnóstico em Gastroenterologia, na capital paulista. Enquanto uns tiram proveito disso, outros, que sofrem com gastrite, precisam tomar certo cuidado devido à acidez além da conta.

Mas o perigo ronda mesmo os excessos – conhece alguém que deixa a salada nadando em vinagre? “Se usado com moderação, não há contraindicações”, afirma o médico nutrólogo Edson Credidio, membro do Colégio Americano de Nutrição. É uma mensagem que deve ser respeitada especialmente por quem quer usufruir dos tantos predicados do tempero e, aí, acaba exagerando na dose.

O sabor do emagrecimento?

Anos atrás, uma série de pesquisas apontou um elo entre a ingestão de vinagre e a perda de peso. Um desses trabalhos, realizado por cientistas japoneses e envolvendo 175 voluntários obesos, constatou discretas melhoras em alguns parâmetros, entre os quais a redução da circunferência abdominal. Achados como esse alçaram o líquido à fórmula antiobesidade.

Pensando nas gordurinhas, tem gente até hoje tomando vinagre de tudo quanto é jeito e a qualquer hora, inclusive cedinho, antes do café da manhã. Especialistas, no entanto, veem a aplicação com reservas.

“Quando se trata de perder peso, é comum apostar as fichas em um único ingrediente, só que precisamos levar em conta todo o contexto de vida”, analisa o endocrinologista Bruno Halpern, da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica.

Enquanto faltam provas mais sólidas de seu papel direto no emagrecimento, ao menos o vinagre pode contribuir em outra frente, mais indireta. “A chave para o peso saudável é evitar abusos e buscar a variedade no cardápio”, defende Credidio.

E o vinagre, ou melhor, os vinagres aumentam nosso repertório de experiências sensoriais. Ora, às vezes a salada tão saudável não cai bem porque está faltando um temperinho, não? Bom, tipo de vinagre é o que não falta.

Que tal um rodízio?

Cada um tem suas peculiaridades de sabor e composição nutricional. Para domar a glicemia, como mostrou Carol Johnston, dá pra apostar nos de maçã, framboesa, vinho tinto ou álcool. Todos ostentam o tal ácido acético.

No produto feito a partir do fruto da macieira, por exemplo, você encontra quercetina, um poderoso antioxidante que ajuda a conservar nossas células.

Os que vêm das uvas e da framboesa, por sua vez, fornecem antocianinas, substâncias prestigiadas no meio científico por defenderem as artérias, o cérebro e o coração.

Por falar em proteção cardiovascular… “Há indícios de que o vinagre auxilie no controle do colesterol”, conta a nutricionista Vanderlí Marchiori, presidente da Associação Paulista de Fitoterapia.

Isso porque alguns compostos do produto conseguiriam a proeza de arrastar o excesso da molécula gordurosa para fora do organismo. Uma faxina bem-vinda para o sangue continuar trafegando sem empecilhos.

Enquanto a ciência procura desvendar todo o potencial do vinagre na perda de peso e na defesa das artérias, há virtudes que ninguém contesta. A mais evidente (e gostosa) é a sua capacidade de incrementar a refeição.

A nutricionista Maristela Strufaldi lembra inclusive que, graças à sua capacidade de realçar o sabor dos alimentos, o tempero ajuda a diminuir nossa dependência pelo sal de cozinha. Não é pouca coisa.

Sabemos que o abuso no sódio é um dos patrocinadores da pressão alta.

Outro conselho: livre-se do preconceito de achar que vinagre só combina com salada. Que tal sair da mesmice? “Junto a cebola e alho, ele é excelente para temperar bifes”, diz Vanderlí Marchiori.

Aliás, mergulhar a carne do churrasco em uma marinada feita de vinagre de vinho e ervas antes de levá-la à grelha não só amacia a peça como ajuda a minimizar a formação das aminas heterocíclicas, moléculas originárias da exposição ao calor e que já são associadas ao maior risco de câncer.

O tipo balsâmico, quem diria, é uma boa opção até para o preparo de sobremesas, especialmente das que levam frutas. Seu nome original já denota por que a combinação funciona. “Aceto provém de ak, raiz indo-europeia que significa picante, e foi transformada em agr no latim vulgar. Daí vem o termo agridoce”, explica o professor Deonísio da Silva.

Pensa que as receitas diferentes acabaram? “O vinagre de maçã ou de outras frutas pode compor bebidas refrescantes, junto de hortelã e mel”, recomenda Wilma Spinosa, professora do Departamento de Ciência e Tecnologia de Alimentos da Universidade Estadual de Londrina, no Paraná.

A preparação remonta aos elixires que, dizem os antigos, seriam capazes de trazer mais disposição. Mas é importante tomar cuidado para não se exceder nos goles. Exageros podem desencadear danos aos dentes, que tendem a ser bastante suscetíveis a bebidas e alimentos muito ácidos.

Independentemente da matéria-prima do vinagre, convém prestar atenção no rótulo antes de botá-lo no carrinho. Priorize aqueles com menos itens na lista de ingredientes. Para garantir mais sabor e aroma, alguns experts indicam as versões orgânicas ou com selos de qualidade, caso dos legítimos acetos italianos.

Continua após a publicidade

Na cozinha ou fora dela, o líquido exerce outra função milenar: a de conservante. Outra vez, o mérito recai na principal substância do tempero.

“Independente da fonte a partir da qual é produzido, o vinagre contém entre 4 e 6% de ácido acético”, ensina o químico Luiz Antônio Andrade de Oliveira, da Universidade Estadual Paulista, em Araraquara.

E esse ácido inibe o crescimento de fungos e bactérias. “Daí o uso na higiene das verduras”, observa Marcelo Cereser, diretor da produtora Castelo Alimentos.

É graças a esse pH ácido por natureza que o vinagre não estraga com facilidade e pode ser guardado fora da geladeira. “Mas vale mantê-lo em temperaturas amenas para evitar alterações na coloração e no sabor”, orienta Andréa Esquivel.

E essa história de que vinagre tem aplicações estéticas, procede? Será que Cleópatra tinha razão? A dermatologista Meire Brasil Parada, da Universidade Federal de São Paulo, confirma alguns efeitos proporcionados pelo condimento.

“Misturar o vinagre no xampu pode ajudar a combater a oleosidade excessiva e trazer brilho aos cabelos”, diz. “Mas não é todo mundo que deve usar, principalmente se houver maior sensibilidade”, avisa.

Na dúvida, é melhor ouvir a opinião de um médico antes.

Ainda que apresente tantas utilidades, e nas mais diversas searas, há que saber dosá-lo. Lá na Idade Média, quando o vinagre era tido como panaceia, já escrevera a freira e escritora alemã Hildegard von Bingen (1098-1179): “Se for adicionado em demasia, de forma a sobrepor completamente os sabores do prato, ele pode ser prejudicial à pessoa que o ingere”. Fica a dica.

Obra do acaso

Ninguém criou o vinagre. Ele foi descoberto há pelo menos 8 mil anos, quando se observou uma transformação no vinho.

“Trata-se do produto da fermentação do álcool etílico por bactérias acéticas”, explica o agrônomo Celito Guerra, da Embrapa. Daí a presença do ácido acético no líquido. O nome de batismo vem do latim.

“Vinu agre ou vinho azedo”, conta o etimologista Deonísio da Silva, da Universidade Estácio de Sá, no Rio de Janeiro.

Tipos de vinagre

De vinho

Tinto e branco: os mais comuns no mercado são elaborados a partir da fermentação de vinhos feitos com uvas abundantes no Sul do Brasil, caso da Isabel e da Bordeaux.

Xerez: originário de um vinho da Andaluzia, na Espanha, esse vinagre tempera receitas como o gaspacho, sopa com tomate e pimentão.

Balsâmico: o legítimo é feito em Módena, na Itália. A classe é envelhecida em barris de madeira e tem cor escura e sabor adocicado.

De maçã

Como ela é corriqueira no Hemisfério Norte, o vinagre dessa fruta é um dos mais estudados. Aromático e de sabor suave, vai bem em molhos e receitas agridoces.

De arroz

Extremamente popular em países asiáticos, caso do Japão e da China, onde há grande cultivo desse cereal. Faz sucesso na culinária como ingrediente em sushis e conservas.

De outras frutas

Jabuticaba, carambola, kiwi e abacaxi viram vinagre em países tropicais. Já figo, framboesa e tamarindo são matéria-prima em nações mais ao norte.

De álcool

No Brasil, é elaborado a partir da cana-de-açúcar e costuma ter um preço mais baixo. Pode ser aromatizado com limão e ervas. Bastante usado na fabricação de picles.

De hortaliças

Tomate, cenoura, pepino e outros vegetais também servem como base para o vinagre. Os antigos até usavam esse preparo quando a colheita era farta para evitar desperdícios.

Como fazer um vinagrete saudável

1. Parte de azeite

O produto das oliveiras traz antioxidantes e gorduras protetoras.

2. Partes de vinagre

Ele dá o toque ácido e fresco do preparo. Vale acrescentar cebola, salsinha, cebolinha, tomate…

Continua após a publicidade

  • Cérebro
  • Colesterol
  • Coração
  • Diabetes
  • Emagrecimento
  • Pratos leves – Saladas
  • Temperos

Источник: https://saude.abril.com.br/alimentacao/6-tipos-de-vinagre-e-seus-beneficios-para-a-saude/

Benefícios do Vinagre – Para que serve e propriedades

Tipos e Benefícios do Vinagre

Home » Dieta » Propriedades dos Alimentos

O vinagre é usado como tempero, remédio e até produto de limpeza há milênios. Mas, apesar da fama, há muita desinformação em relação aos reais benefícios do vinagre no organismo, principalmente por causa da grande variedade de vinagres que existe.

  Continua Depois da Publicidade  

Vamos então conhecer um pouco mais sobre o vinagre, seus diferentes tipos e, principalmente, descobrir quais são os benefícios que seu consumo pode trazer à saúde.

Tipos de vinagre

Alguns tipos de vinagre de frutas

Antes de falarmos dos benefícios do vinagre, é importante saber diferenciar os tipos que estão disponíveis no mercado, que podem ser vinagres feitos de álcool, frutas, vinho ou o vinagre balsâmico.

  • De álcool: Feito a partir da fermentação de malte, milho ou cana de açúcar;
  • De frutas: O mais comum é o feito a partir da fermentação do suco de maçã;
  • Balsâmico: Esse tipo de vinagre é produzido a partir do suco de uvas brancas trebbiano, que então passam por um cozimento, a fim de criar um tipo de concentrado, e só depois é fermentado;
  • De vinho: Este último é feito a partir da fermentação dos carboidratos presentes no vinho.

Benefícios do Vinagre

Em geral, o vinagre não possui muitos nutrientes, mas é conhecido por reduzir o nível de glicose no sangue, auxiliar na perda de peso, ser uma boa alternativa de tempero com poucas calorias e um poderoso antioxidante.

Aqui vamos abordar os benefícios do vinagre de frutas.

Ajuda a perder peso

O consumo regular de vinagre pode ajudar na perda de peso, uma vez que aumenta a saciedade e assim reduz a ingestão calórica.

Um estudo publicado na Nature em 2005 mostrou que o consumo de vinagre aumentava a saciedade após as refeições, reduzindo assim o consumo calórico.

Ajuda a controlar o nível de açúcar no sangue

O consumo regular de vinagre pode ajudar a controlar os níveis de açúcar no sangue, além de melhorar quadros de resistência à insulina.

Esse efeito foi demonstrado em um estudo publicado em 2017 no periódico Diabetes Research and Clinical Practice.

Entretanto, o vinagre não deve ser usado como único tratamento para diabetes, mas sim como um tratamento auxiliar, para melhorar a resposta do corpo aos medicamentos.

  Continua Depois da Publicidade  

Possui propriedades antioxidantes

Cada vez mais se fala da importância dos antioxidantes para a saúde do corpo, e seus benefícios se devem ao combate aos radicais livres, que causam estresse oxidativo.

Assim, o consumo de alimentos ricos em antioxidantes, como o vinagre, ajuda a evitar e amenizar uma série de problemas de saúde, como:

  • Inflamações: A regulação do sistema imunológico ajuda a evitar reações exageradas, como doenças inflamatórias e autoimunes;
  • Câncer: Certos tipos de câncer são causados pela ação dos radicais livres sobre o DNA das células;
  • Envelhecimento precoce da pele: Os radicais livres também atuam sobre a pele, acelerando o processo de envelhecimento.

Esses efeitos, assim como outros que ainda estão em estudos, foram demonstrados por pesquisadores da Süleyman Demirel University, na Turquia, e publicados no Journal of food science em 2014.

Vinagre de maçã

Coração saudável

Os efeitos do consumo de vinagre na proteção do coração já foram demonstrados em estudos, como neste, publicado em 2016 no periódico Annales de cardiologie et d’angéiologie.

Neste estudo os pesquisadores identificaram alguns efeitos que protegeriam o coração, decorrentes do consumo do vinagre, como:

  • Redução dos níveis de colesterol ruim (LDL) no sangue;
  • Redução da glicemia;
  • Aumento da saciedade, que leva a diminuição do consumo calórico.

Assim, o vinagre age reduzindo a chance de desenvolvimento de doenças cardiovasculares, como a aterosclerose.

Possui bactérias benéficas para o corpo

O vinagre de maçã pode ser considerado um alimento probiótico, uma vez que possui em sua composição bactérias como a Acetobacter aceti.

Alimentos probióticos são aqueles que contêm em sua composição micro-organismos benéficos para o corpo, que passam a fazer parte da microbiota intestinal.

  Continua Depois da Publicidade  

Esses micro-organismos podem influenciar o funcionamento de diversos órgãos e sistema do corpo, como:

  • Digestivo, principalmente o intestino: Contribui para a saúde intestinal e regula a absorção de diversos nutrientes;
  • Imunológico: Age na regulação e no amadurecimento da imunidade;
  • Nervoso: Algumas bactérias são capazes de produzir neurotransmissores, muito importantes para manter o correto funcionamento do sistema nervoso.

Dicas e cuidados

  • Não consuma o vinagre, qualquer que seja o tipo, puro. Ele deve ser sempre usado como um ingrediente para alimentos.
  • O ideal é consumir o vinagre em pequenas porções, para evitar irritação gástrica e possíveis interações com medicamentos.
  • Quando possível, use o vinagre como substituto de temperos ricos em sódio. Isso pode ajudar a reduzir a pressão arterial e mesmo a prevenir a hipertensão.

Assista ao vídeo da nossa nutricionista falando sobre as propriedades do vinagre de maçã.

Gostou das dicas?

Você já tinha conhecimentos desses possíveis benefícios do vinagre para a saúde e boa forma? Já o utilizou com algum destes propósitos? Comente abaixo

(21 votos, média: 4,48 de 5)
Loading…   Continua Depois da Publicidade  

Источник: https://www.mundoboaforma.com.br/beneficios-do-vinagre/

9 benefícios do vinagre de maçã (e como fazer em casa)

Tipos e Benefícios do Vinagre

O vinagre de maçã é um alimento fermentado que possui propriedade antioxidante, anti-inflamatória e antimicrobiana, e, por isso, pode ser usado para auxiliar no tratamento de acne, proteger contra doenças cardiovasculares e prevenir o envelhecimento precoce.

Além disso, é composto por pectina, que é uma fibra solúvel que atua diminuindo a absorção de carboidrato no intestino e controlando os picos de glicemia, ajudando na perda de peso, controle da diabetes e melhora da digestão.

O vinagre de maçã pode ser preparado em casa ou comprado em supermercados ou lojas de produtos naturais, devendo ser incluído na alimentação do dia a dia ou consumido puro diluído em um copo de água, sendo então possível obter todos os benefícios.

Os principais benefícios do vinagre de maçã são:

1. Ajuda a emagrecer

O vinagre de maçã possui ácidos e compostos polifenólicos em sua composição que atuam dificultando a absorção de carboidratos no intestino e, por isso, pode ajudar na perda de peso. Além disso, é constituído por pectina, que é uma fibra solúvel que preenche o estômago, promovendo a sensação de saciedade e diminuindo a fome. 

O vinagre de maçã também possui propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes, o que ajuda a prevenir o acúmulo de gordura e favorece a sua eliminação do organismo. Saiba como usar o vinagre de maçã para emagrecer.

2. Trata o refluxo gastroesofágico

Apesar de ser rico em ácidos, o vinagre de maçã ajuda a equilibrar o pH do estômago, o que permite maior controle e regulação da acidez. Assim, é possível combater os sintoma do refluxo gastroesofágico, como azia, sensação de queimação e sensação de peso no estômago. Conheça outros sintomas de refluxo. 

3. Ajuda a controlar a diabetes

Alguns estudos indicam que o vinagre de maçã poderia ajudar no controle da diabetes, isso porque é composto por fibras que podem atuar na diminuição da absorção de carboidratos e, consequentemente, ajudar no controle dos picos de glicemia após refeições.

Além disso, alguns estudos relatam que o vinagre de maçã poderia ainda melhorar a ação da insulina e reduzir a produção de glicose pelo fígado, o que também ajuda no controle da diabetes.

No entanto, para que o vinagre de maçã tenha esse efeito, é importante que faça parte de uma alimentação saudável e equilibrada, além de também ser importante que o tratamento indicado pelo médico seja realizado.

4. Melhora a digestão

O vinagre de maçã é rico em fibras e ácidos, como o ácido acético e clorogênico, que ajudam na digestão dos alimentos e, por isso, o vinagre de maçã poderia a ajudar a aliviar os sintomas de má-digestão, proteger o estômago, facilitar a digestão e diminuir a sensação de estômago pesado após as refeições, por exemplo.

5. Protege contra doenças cardiovasculares

Devido às propriedades antioxidante e anti-inflamatória, o vinagre de maçã é capaz de prevenir que aconteça o depósito de gordura nas paredes doa vasos e, por isso, ajuda a diminuir o risco de doenças cardiovasculares, como a aterosclerose, por exemplo.

Além disso, esse vinagre pode também ajudar na redução do colesterol ruim, o LDL, e dos triglicerídeos, além de atuar no controle da pressão arterial, reduzindo o risco de derrame e infarto.

6. Protege o fígado

O vinagre de maçã é rico em ácidos, como o gálico, lático, málico e cítrico, que podem atuar diretamente no fígado e melhorar a sua atividade, além de também ajudar a diminuir o acúmulo de gordura no fígado e, consequentemente, prevenir o desenvolvimento da esteatose hepática.

7. Reduz o desenvolvimento de fungos e bactérias

Alguns estudos científicos mostram que o vinagre de maçã possui propriedades antimicrobianas capaz de diminuir a proliferação de alguns microrganismos presentes naturalmente no organismo mas que podem causar infecção quando em grandes quantidades, como Candida albicans, Escherichia coli e Staphylococcus aureus, por exemplo, que estão relacionados com infecções urinárias, gastrointestinal e de pele.

Apesar disso, ainda são necessários mais estudos que comprovem o efeito antimicrobiano do vinagre de maçã, principalmente quando incluído em uma dieta saudável.

8. Retarda o envelhecimento

Os polifenóis presentes no vinagre de maçã possuem propriedades antioxidantes que ajudam a combater os radicais livres que são formados pelo envelhecimento, poluição e má alimentação e, por isso, o vinagre de maçã melhora a qualidade da pele e ajuda a retardar o envelhecimento.

9. Combate a acne

O vinagre de maçã tem os ácidos acético, cítrico, lático e succínico na sua composição que têm ação antimicrobiana contra a bactéria Propionibacterium acnes, responsável por causar acne na pele. 

No entanto, por conter muitos ácidos, o vinagre de maçã não deve ser aplicado puro na pele pois pode causar queimaduras. A melhor forma de usar o vinagre de maçã na pele é fazer uma solução com 1 colher do vinagre de maçã em 1 copo de água e aplicar no rosto.

No entanto, ao aplicar a solução do vinagre de maçã no rosto e tiver sensação de queimação na pele, lavar imediatamente o rosto com água e sabonete neutro e, neste caso, deve-se interromper o uso do vinagre de maçã na pele. A solução de vinagre de maçã não deve ser usada em peles sensíveis e em machucados ou feridas abertas. 

Como utilizar o vinagre de maçã

Algumas formas de utilizar o vinagre de maçã para aproveitar seus benefícios são: 

  1. Beber a solução de vinagre de maçã: pode-se fazer uma diluição de 1 a 2 colheres de sopa do vinagre de maçã em um copo de água e beber 20 minutos antes do café da manhã, do almoço ou do jantar. É importante lavar a boca com água após beber a solução de vinagre de maçã e, para prevenir o desgaste do esmalte dos dentes, deve-se escovar os dentes 30 minutos após beber a solução de vinagre de maçã;
  2. Consumir na alimentação: pode-se colocar o vinagre de maçã diretamente ou fazer a solução de vinagre de maçã e colocar em saladas verdes para consumir;
  3. Passar na pele: deve-se diluir 1 colher de vinagre de maçã em um copo de água, colocar um pouco dessa essa solução em um pedaço de algodão e passar no rosto limpo e seco. Deixar agir por 5 a 20 segundos e lavar o rosto novamente. Isso ajuda a curar a acne inflamada e a desobstruir os poros. A seguir, deve-se secar a pele e aplicar um creme hidratante de uso diário, com protetor solar incorporado. 

É importante ressaltar que para obter todos os benefícios, o vinagre de maçã deve fazer parte de uma alimentação balanceada e saudável.

Como fazer o vinagre de maçã

O vinagre de maçã pode ser feito em casa utilizando apenas maçãs e um pouco de água, sendo, portanto, o mais natural possível. 

É recomendado, de início, usar 2 maçãs grandes, que devem ser lavadas, descascadas e terem suas sementes retiradas para que possam ser cortadas em pedacinhos. Depois deve-se seguir os seguintes passos:

  1. Colocar as maçãs picadas no liquidificador e acrescentar um pouco de água para evitar que apodreçam. A quantidade de água varia de acordo com a quantidade de maçã utilizada, sendo normalmente recomendado acrescentar água até que pelo menos metade das maçãs esteja coberta;
  2. Bater no liquidificador até que as maçãs estejam completamente trituradas;
  3. Colocar em uma garrafa de vidro, tampar e deixar longe do sol em temperatura ambiente (de preferência entre 18 e 30ºC) por 4 a 6 semanas. É importante encher só a metade da garrafa para que a fermentação possa acontecer sem qualquer problema;
  4. Depois desse tempo, colocar em um recipiente largo tipo tupperware de vidro e sem tampa, cobrir com um pano limpo e deixar ao sol por cerca de 3 dias.

Depois de ficar no sol, o vinagre de maçã deve ser filtrado e colocado em uma garrafa de vidro escura, já podendo ser utilizada.

Possíveis efeitos colaterais

O vinagre de maçã quando consumido em grandes quantidades e por período de tempo prolongado pode causar efeitos colaterais como náuseas e vômitos, queimadura na garganta, dificuldade de digestão, redução da quantidade de potássio no sangue, perda óssea e osteoporose, além de danificar o esmalte dos dentes.

Quem não deve usar

O vinagre de maçã não deve ser consumido por quem tem alergia ao vinagre de maçã ou por pessoas em tratamento com o medicamento digoxina ou diuréticos como furosemida ou hidroclorotiazida, por exemplo, pois podem reduzir os níveis de potássio no sangue e causar fraqueza muscular, cãibra, paralisia ou arritmia cardíaca.

Источник: https://www.tuasaude.com/beneficios-do-vinagre-de-maca/

Vinagre: Os diferentes tipos e seus benefícios – Cuidaí

Tipos e Benefícios do Vinagre

Hoje, o vinagre tem presença garantida na culinária, especialmente como tempero para saladas. Mas sua história é milenar: ele já foi utilizado como remédio por Hipócrates, considerado o pai da medicina, em 400 AC, e até como cosmético por Cleópatra, famosa rainha do Egito. 

Obtido através de duas fermentações diferentes, o vinagre, nome que tem origem na palavra francesa “vinaigre” (que significa vinho azedo), pode realmente ser utilizado como medicamento em diferentes situações.

“O vinagre pode ajudar na digestão, equilibrar as taxas de colesterol e até contribuir com o emagrecimento.

Ele ainda ajuda a nivelar a glicemia na corrente sanguínea”, lista Adriana Stavro, nutricionista e membro da Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição (SBAN). 

Além do teor calórico baixíssimo, o sabor intenso do vinagre pode diminuir o consumo de sal em saladas e outras preparações. No entanto, quem sofre com problemas de estômago, como gastrite, precisa ter cuidado na hora de ingerir o ingrediente. Na dúvida, consulte um nutricionista para verificar as melhores opções para o seu caso.

Um produto, muitos usos

Não é apenas na saúde que o vinagre pode ser um ótimo aliado. É possível usá-lo na limpeza da casa, pois tem propriedades branqueadoras e bactericidas, para remover o mofo e até eliminar odores de ambientes e manchas de tapetes. 

O ingrediente ainda pode ser utilizado como cosmético. Nos cabelos, deixa os fios macios e ajuda a combater a caspa. Se for aplicado antes de fazer as unhas, aumenta o tempo de duração do esmalte.

Já o vinagre de frutas, como a versão feita com maçã, pode ajudar a compor uma bebida detox. Basta acrescentar água, hortelã e mel. “Só não exagere no consumo, porque o vinagre é ácido e pode prejudicar a saúde dos dentes”, diz Adriana.

Os diferentes tipos de vinagre 

Em tese, qualquer alimento in natura que contém açúcar pode servir como matéria-prima para a produção do vinagre. Por isso temos no mercado tantas opções diferentes. “O mais importante na hora de escolher o vinagre é ler o rótulo. Procure por aqueles com menos itens na lista de ingredientes.”

Veja agora os tipos de vinagre mais comuns e suas características. 

Álcool

É feito a partir da fermentação do álcool etílico potável ou da cana-de-açúcar. O sabor é mais intenso, porém apresenta poucos nutrientes. Bastante utilizado em conservas e como produto de limpeza.

Maçã

Para produzir essa versão, utiliza-se a fermentação do suco de maçã. Rico em antioxidantes, seu aroma peculiar e sabor mais suave faz dele um sucesso em receitas de molhos e preparações agridoces.

Balsâmico 

De coloração escura, o líquido é mais denso que os outros tipos. O sabor também é diferente, mais agridoce. As uvas são a matéria-prima desse vinagre e, por isso, possui antioxidantes que reduzem o risco de doenças cardiovasculares. Pode ser usado em pratos como saladas, carnes, peixes e até mesmo sobremesas.

Arroz

Esse tipo de vinagre, leve, adocicado e cheio de aminoácidos, faz sucesso em países como Japão e China. Bastante usado em sushis e conservas, vai bem com salmão e outros peixes.

Vinho

Tanto o vinho tinto quanto o branco podem ser usados para produzir esse vinagre. Ambas as versões controlam o colesterol e reduzem a pressão arterial. O tinto combina com carnes e o branco acompanha saladas de folhas e legumes. 

Vinagre de maçã emagrece?

Você já deve ter ouvido falar que o vinagre de maçã funciona como um aliado poderoso no processo de emagrecimento – teve até quem incluiu a ingestão desse tempero líquido como primeira refeição do dia. Então, será que ele realmente pode ajudar a perder peso? E se sim, como usar o vinagre de maçã para emagrecer (emagreça com o Tecnonutri) ?

É claro que o emagrecimento é uma combinação de alimentação saudável com prática de exercícios físicos, e, cientificamente falando, o vinagre de maçã não é considerado uma bala mágica para perda de peso. Os estudos que foram feitos são pequenos, e algo chamado “esvaziamento gástrico retardado” é o melhor argumento entre as teorias que circulam sobre o poder de perda de peso do vinagre de maçã. 

Leia também: Emagrecer: Melhores alimentos para perder peso de vez

Porém, mesmo não sendo milagroso, o ácido acético – um dos diferenciais do vinagre de maçã em relação aos demais – inibe a ação de certas enzimas que digerem carboidratos, diminuindo sua absorção. Com isso, a glicose dos alimentos é liberada lentamente no sangue, o que colabora para o emagrecimento, além de diminuir o risco de diabetes.

Além disso, ele pode ser um estimulante para um consumo de mais saladas, e ainda vai adicionar um sabor doce e picante com zero calorias, o que certamente não pode prejudicar a cintura.

A pectina, fibra solúvel originária da maçã, se encarrega de aumentar a saciedade e estimular a atividade intestinal – duas ações a favor do controle de peso. O colesterol também é mantido em equilíbrio.

Outro benefício é o seu poder antioxidante. Depois que as maçãs são fermentadas em vinagre, nutrientes como betacaroteno, cálcio e potássio ainda permanecem.

Sabemos que as dietas ricas em antioxidantes protegem as células e proporcionam uma série de benefícios para a saúde.

E, quando se trata da pele, os antioxidantes têm benefícios protetores, como ajudar a proteger contra os raios UV prejudiciais.

Leia também: Emagrecer: 28 dicas para perder peso rápido com saúde

Revisado por

Источник: https://cuidai.com.br/vinagre-os-diferentes-tipos-e-seus-beneficios/

12 benefícios do vinagre de maçã

Tipos e Benefícios do Vinagre
Imagem editada e redimensionada de Jacek Dylag, está disponível no Unsplash

O vinagre de maçã possui benefícios que vão muito além da cozinha.

Além de ser utilizado para temperar a salada, o vinagre de maçã pode aliviar os sintomas do refluxo gástrico, refresca o hálito, reduz a dor de garganta, embeleza os cabelos e muitos outros benefícios.

Ele é uma excelente opção para quem quer praticar o consumo consciente e substituir os produtos industrializados e ainda pode ser feito em casa!

  • Como fazer vinagre de maçã

O líquido, que é feito a partir da fermentação alcoólica de um carboidrato seguida da fermentação secundária por ácido acético, também é conhecido pelas suas qualidades medicinais há milhares de anos. O estudioso grego Hipócrates, que nasceu em 460 a.C., já exaltava as qualidades da substância em seus escritos.

Ao longo dos anos, o vinagre tem sido feito por meio da fermentação de uma variedade de materiais, como melado, frutas, mel, batata, beterraba, malte, entre outros.

Mas, entre tantos tipos, o feito de maçã se destaca por suas propriedades. O Vinager Institute é um dos responsáveis por promover a versatilidade do produto.

É possível até listar 12 de seus benefícios para você fazer uso do vinagre não apenas na saladinha.

1. Refresca o hálito

Fazer bochecho de vinagre de maçã com água ajuda a reduzir o mau hálito!

  • Como acabar com o mau hálito naturalmente

2. Trata refluxo gástrico

Muitas pessoas acreditam que, por ser ácido, o vinagre de maçã piora os sintomas de gastrite. Mas não é bem assim. Ao ingerir duas colheres de chá de vinagre de maçã diariamente é possível aliviar os incômodos do refluxo gástrico. Conheça truques caseiros de remédio para refluxo.

3. Alivia incômodo gastro-intestinal

Se você sofre de diarreia por infecção causada por bactéria, o vinagre de maçã pode ajudar devido às suas propriedades antibióticas. Alguns especialistas também sugerem que a pectina encontrada no vinagre de maçã pode ajudar a acalmar espasmos intestinais. Basta misturar de uma a duas colheres de sopa do líquido em água ou suco de maçã e beber.

  • O que é constipação intestinal?

4. Previne indigestão

Se você está planejando “se acabar” em uma refeição que pode não cair muito bem, tente beber uma colher de chá de vinagre de maçã misturada com um copo de água morna 30 minutos antes da refeição.

  • Bicarbonato de sódio para azia funciona?

5. Acaba com soluços

Há muitos “remédios” para “parar” soluços, segundo a sabedoria popular. Tente este da próxima vez em que tiver o incômodo: uma colher de chá de vinagre de maçã garganta abaixo!

6. Cuida do cabelo

Para os cabelos oleosos, o vinagre de maçã tem função de limpeza: enxágue o cabelo com uma mistura de duas colheres de sopa de vinagre em um copo de água. A matéria “Como usar vinagre de maçã no cabelo” explica melhor o assunto.

7. Alivia dor de garganta

Logo que sentir os primeiros sinais de dor de garganta, tente um dos dois métodos: misturar ¼ de vinagre< de maçã com água morna e gargarejar de hora em hora; ou beber a mistura de uma colher de sopa de vinagre de maça com água quente. Leia mais na matéria: "18 opções de remédio para garganta inflamada".

8. Combate a coceira

Um pouquinho de vinagre de maçã aplicado com algodão é comumente recomendado para fazer com que uma mordida de mosquito pare de coçar. Vai arder, mas vai ajudar a acalmar a irritação.

9. Minimiza problemas na pele

Muitos dos que sofrem de problemas dermatológicos adoram vinagre de maçã por reduzir inflamações. Tente dar uma pincelada de vinagre nas áreas afetadas fazendo uso de algodão.

  • Óleo de coco faz bem para a pele. Entenda e saiba como usar

10. Diminui os níveis de glicose

O vinagre de maçã tem também propriedades para combater a diabetes. Muitos estudos têm mostrado seu efeito positivo nos níveis de açúcar do sangue. Um estudo de 2007 com participantes com diabetes tipo 2 descobriu que duas colheres de sopa de vinagre antes de ir para a cama abaixaram a glicose pela manhã de 4% a 6%.

11. Abaixa o colesterol e a pressão alta

Vários estudos com ratos têm mostrado os benefícios do vinagre para abaixar o colesterol e a pressão alta. Ainda não há evidências de que pode funcionar em pessoas, mas as pesquisas na área continuam.

  • Colesterol alterado tem sintomas? Saiba o que é e como se prevenir

12. Emagrece

O vinagre de maçã tem sido usado para ajudar na perda de peso há muito tempo. Um estudo feito com japoneses obesos mostrou que 15 mL ou 30 mL de vinagre de maçã ingeridos diariamente durante 12 semanas reduziu de 1,2 kg a 1,7 kg do peso corporal dos participantes do estudo.

Outro pequeno estudo, de 2005, evidenciou que pessoas que comeram um pedaço de pão com pequena quantidade de vinagre se sentiram mais saciadas do que aquelas que não fizeram uso do vinagre.

Ainda assim, sabemos que (infelizmente) não existe fórmula mágica para perder peso! Só uma dieta completa e equilibrada realmente resolve o problema da obesidade.

Confira 21 alimentos que ajudam a emagrecer com saúde.

Gostou da matéria? Então descubra como fazer vinagre de maçã em casa e preservar seus nutrientes e probióticos na matéria: “Como fazer vinagre de maçã”. A versão caseira ainda mantém minerais e probióticos perdidos em processos industriais. Ou assista ao vídeo a seguir:

Fonte: Mother Nature Network

Veja também:

Cadastre-se e receba nosso conteúdo em seu email. Comunicar erro

Источник: https://www.ecycle.com.br/2360-beneficios-do-vinagre-de-maca.html

30 benefícios do vinagre para facilitar o seu dia a dia em casa – Seleções

Tipos e Benefícios do Vinagre

Quando o assunto é economizar, as receitas caseiras são mais do que aliadas: elas podem certamente salvar quem está em apuros. Seja por conta de uma mancha no carpete ou um ralo entupido, os benefícios do vinagre para essas situações são inúmeros, como você verá a seguir.

Alguns dos ingredientes utilizados nas receitas são simples e facilmente encontrados em casa. O bicarbonato de sódio, por exemplo, é um componente versátil e muito utilizado tanto na cozinha quanto para resolver problemas simples dentro de casa, como eliminar odores até mesmo desentupir ralos.

E assim, somado ao vinagre, torna-se um componente muito útil, resultando em uma solução potente que pode acabar com muitos outros problemas como os citados nesta galeria.

Bicarbonato de sódio: conheça 15 usos incomuns no dia a dia

Os vinagres utilizados na maioria das receitas variam entre o branco e o de maçã, mas, essencialmente, não há diferença. Por isso, experimente utilizar os dois ou o que estiver à mão. Você verá que os benefícios do vinagre nesse caso são muitos para os dois tipos.

E não apenas para emergências dentro de casa, mas também para cuidados com a saúde e com a pele ou até mesmo para uma lavagem mais eficiente das roupas — caso queira conferir algumas dicas específicas para lavar roupas com vinagre, clique aqui!

Viu só quantas utilidades? Confira abaixo os principais benefícios do vinagre para a sua casa. E, depois, comente se algum deles te ajudou.

Confira 30 benefícios do vinagre para facilitar o seu dia a dia em casa:

CoinUp/iStock

O computador, a impressora e outros equipamentos de escritório vão funcionar melhor se foram mantidos limpos e sem poeira. Antes de começar a limpeza, assegure-se de que o equipamento esteja desligado. Então, num balde pequeno, misture vinagre branco e água em partes iguais.

Umedeça um pano limpo com a solução — jamais use borrifador, pois não é conveniente que o líquido atinja os circuitos internos — e, depois de torcê-la ao máximo, inicie a limpeza.

Mantenha alguns cotonetes à mão para retirar a sujeira de reentrâncias e locais mais estreitos (como em torno das teclas do computador).

Marco Tulio/iStock

Para limpar os objetos cromados e de aço inoxidável de dentro de casa, aplique uma camada leve de vinagre branco puro com um borrifador. Em seguida, esfregue com uma flanela para dar brilho.

| Publicado em: 8 de julho de 2020 Trifonov_Evgeniy/iStock

Caso tenha queimado o bife — ou sua tia, fumante inveterada, recentemente tenha feito uma visita-surpresa —, elimine o odor desagradável colocando um recipiente raso com 3/4 de vinagre branco ou de maçã no cômodo em que o cheiro estiver mais acentuado. Use vários recipientes se o odor tiver se alastrado pela casa inteira. O cheiro vai desaparecer em menos de 1 dia. Outra maneira de eliminar o odor recente de cigarro é umedecer uma estopa com vinagre e agitá-la um pouco no ar.

Confira 17 dicas para manter o ar limpo em sua casa.

gustavomellossa/iStock

Para remover manchas de mofo, passe primeiro vinagre branco.

Esse produto, além de ser usado com segurança sem a necessidade de ventilação adicional, pode ser aplicado em quase todo tipo de superfície – piso e peças de banheiro, roupa, mobília, superfícies pintadas, cortinas plásticas etc.

Para eliminar grande acúmulo de mofo, use o vinagre puro. Para manchas mais leves, dilua o vinagre em água, em partes iguais. Também é possível evitar o mofo que se cria na parte de baixo dos tapetes e carpetes, borrifando-a com vinagre branco puro.

Aprenda a acabar com o mofo de uma vez!

hanohiki/iStock

Faça com que os talheres de prata — bem como pulseiras, anéis e outras joias desse metal — brilhem como novos mergulhando-os numa mistura de 1/2 xícara de vinagre branco e 2 colheres de sopa de bicarbonato de sódio, por 2 a 3 horas. Enxágue com água fria e seque com uma flanela.

3drenderings/iStock

Devolva o brilho dos objetos de latão, bronze e cobre preparando uma pasta de vinagre branco e sal, em partes iguais, ou vinagre e bicarbonato de sódio (espere passar a efervescência antes de aplicar). Use um pano macio ou uma toalha de papel para esfregar a pasta em cada item, até o desbotado desaparecer. Depois, enxágue com água fria e seque com uma toalha macia.

Источник: https://www.selecoes.com.br/economia/30-beneficios-do-vinagre-para-salvar-o-seu-dia-a-dia/

Sobre a Medicina
Deixe uma resposta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: